08/02/2020 - 11h57

Wild vence Stars de virada e volta a brigar por vaga nos playoffs

Eriksson Ek marca no final e Wild bate Stars fora de casa

O Minnesota Wild (26-22-6) parece ter reencontrado o caminho das vitórias na atual temporada. A equipe venceu o Dallas Stars (30-19-5) por 3 a 2, de virada, na noite desta sexta-feira no American Airlines Center. Com o resultado, a equipe chega a terceira vitória consecutiva, sexta nos últimos 8 jogos e volta a disputar uma vaga para os playoffs. Já os Stars seguem na terceira colocação da divisão Central, mas ganharam apenas 4 das últimas 10 partidas.

O destaque da partida foi Joel Eriksson Ek, que marcou 2 gols, incluindo o da vitória com menos de 30 segundos para acabar a partida. Além de Ek, destaque para o goleiro Devan Dubnyk que fez 31 defesas e se recuperou de atuação ruim em seu jogo anterior. Pelo time do Texas, Joe Pavelski e Denis Gurianov marcaram.O técnico do Wild, Bruce Boudreau enalteceu a atuação da equipe após o confronto.

“Foi uma grande vitória,” disse Boudreau. “Nós sabíamos que iriamos enfrentar uma equipe descansada e hoje seria um jogo de gente grande. E quando ficamos em desvantagem, não desistimos. Quando marcamos o primeiro conseguimos sentir que o jogo ficaria disputado e que tínhamos uma chance.”

O time da casa abriu o marcador na primeira etapa. O jogo começou bastante disputado, com os dois goleiros trabalhando bastante, mas apenas o disparo de Joe Pavelski foi para o fundo das redes. No power play, o central encontrou rebote de disparo de Tyler Seguin e tocou para o gol, sem chances para Dubnyk.

O segundo período foi mais movimentado, com menos de 3 minutos o time da casa aumentou a vantagem. Miro Heiskanen encontrou Gurianov livre na zona ofensiva. O ala-direito disparou uma bomba, no ângulo de Dubnyk, sem chances para o goleiro. Em desvantagem o Wild começou a pressionar, e conseguiu marcar duas vezes em menos de 4 minutos, igualando o marcador. Eriksson Ek marcou seu primeiro da partida após encontrar rebote em disparo de Ryan Suter. Na sequência, Ryan Donato empatou, após disparar de ângulo difícil e contar com a falha de Ben Bishop.

No terceiro período as equipes conseguiram manter um bom padrão defensivo, em jogo com atmosfera de pós-temporada, mas faltando 27 segundos para o final da partida, Eriksson Ek marcou seu segundo gol e garantiu a vitória do time visitante. Jonas Brodin disparou para o gol, o disco ficou perdido atrás da meta, Ek encontrou e conseguiu vencer Bishop para virar o jogo.

O Dallas Stars volta ao gelo já neste sábado. A equipe visita o St. Louis Blues no Enterprise Center. Já o Minnesota Wild joga no domingo, contra o Colorado Avalanche no Xcel Energy Center.

(Crédito na foto: Reprodução/Site Oficial da NHL)

Oddsshark