31/03/2015 - 11h01

Kings perdem segunda partida consecutiva e sai do Wild Card

Equipe do Chicago Blackhawks foi responsável por derrotar franquia de Los Angeles

O defensor Duncan Keith foi o nome do jogo. (Foto: Zimbio)

O defensor Duncan Keith foi o nome do jogo. (Foto: Zimbio)

Na noite desta segunda-feira (30), a equipe do Los Angeles Kings viajou até Illinois para enfrentar o Chicago Blackhawks, no United Center. Estando a um ponto do Calgary Flames (89) e dois atrás do Winnipeg Jets (90), antes da rodada começar, os Kings precisavam desesperadamente de uma vitória para continuar na briga a uma vaga ao Wild Card da National Hockey League. Porém, aproveitando o mando do gelo, os Hawks venceram a partida pelo placar de 4 a 1.

No primeiro período da partida, aos 5:31, após assistências de Brandon Saad e Andrew Shaw, Bryan Bickell marcou o primeiro gol da partida. Faltando cerca de 30 segundos para o término dos 20 minutos iniciais, o defensor Jake Muzzin tratou de empatar o confronto para Los Angeles, com Trevor Lewis e Nick Shore sendo creditados com os passes para o tento.

Após isso, o domínio da franquia de Chicago começou a se tornar absoluto. Logo no começo do segundo tempo, Duncan Keith se aproveitou da situação de power-play para botar novamente os Blackhawks na frente. Pouco mais de 1 minuto depois, Niklas Hjalmarsson conseguiu capitalizar a falha defensiva dos Kings para marcar apenas o seu terceiro tento na temporada, dando ao time de Chicago uma confortável vantagem de dois gols no duelo.

“Algumas vezes, quando você tem que voltar ao rinque logo após uma partida que você teve uma boa atuação, isso ajuda”, disse Keith se referindo a partida do último domingo contra o Winnipeg Jets. “Eu acho que nós tivemos uma partida coletiva muito sólida durante todos os sessenta minutos do confronto”.

No último período da partida, Marian Hossa tratou de selar a vitória do Chicago Blackhawks na partida ao anotar o quarto gol do time (este seria o segundo ponto de Hossa no jogo). Com a vitória, os Hawks estão à apenas um ponto do St. Louis Blues – o segundo colocado na divisão central da NHL – enquanto que com a derrota dos Kings, a equipe de Los Angeles (88) agora segue fora da zona dos Playoffs. No Wild Card, estão o Minnesota Wild com 95 pontos e o Winnipeg Jets (90). Já na divisão do pacífico, os Flames ocupam o terceiro lugar com 91 enquanto os Canucks a segunda posição, com 93.

Três estrelas do jogo:

1st – Duncan Keith, Chicago (1 gol, 1 ponto de power-play, -1 de plus-minus, 3 disparos a gol)
2nd – Johnny Oduya, Chicago (+3 de plus-minus, 4 disparos bloqueados, 3 hits e 2 disparos a gol)
3rd – Brandon Saad, Chicago (1 gol, +1 de plus-minus e 4 disparos a gol)

Estatísticas da partida:

Disparos a gol: Los Angeles 32 / Chicago 40
Power-plays: Los Angeles 1 / Chicago 2
Conversões de power-plays: Los Angeles 0% / Chicago 50%
Minutos de penalidade: Los Angeles 4 / Chicago 2
Vitórias de faceoff: Los Angeles 37 / Chicago 28
Hits: Los Angeles 41 / Chicago 23
Disparos bloqueados: Los Angeles 12 / Chicago 13

Melhores momentos do jogo:

Resultados da rodada (30/03):

Montreal Canadiens 3 – 5 Tampa Bay Lightning
St. Louis Blues 1 – 4 Vancouver Canucks
Chicago Blackhawks 4 – 1 Los Angeles Kings
Dallas Stars 3 – 5 Calgary Flames
Colorado Avalanche 1 – 4 Edmonton Oilers
Arizona Coyotes 1 – 4 Buffalo Sabres

Confrontos do dia (31/03):

Boston Bruins vs. Florida Panthers – 20h
Washington Capitals vs. Carolina Hurricanes – 20h
Columbus Blue Jackets vs. New Jersey Devils – 20h
Detroit Red Wings vs. Ottawa Senators – 20h30
Toronto Maple Leafs vs. Tampa Bay Lightning – 20h30
Nashville Predators vs. Vancouver Canucks – 21h
Winnipeg Jets vs. New York Rangers – 21h – ESPN +

Oddsshark