NFL

25/03/2020 - 22h22

Sean Payton após diagnóstico de coronavírus: “Estou me sentindo bem”

Mesmo sendo alvo da COVID-19, o técnico dos Saints deixou todos os fãs tranquilos e disse estar curado

New Orleans Saints do head coach Sean Payton vence terceira com Teddy Bridgewater e sobe para a segunda posição do Power Ranking NFL 2019 do The PlayoffsO surto de coronavírus segue assustando toda a população mundial e chegou no mundo da NFL quando o técnico do New Orleans Saints, Sean Payton, foi diagnosticado, sendo a primeira pessoa associada à liga, a ter a doença. Entretanto, os torcedores podem ficar tranquilos. Em entrevista à radio WWL, famosa na Louisiana, o head coach dos Saints disse “estar se sentindo bem melhor” e foi liberado pelos médicos.

“Eu recebi alta ontem. Foi um processo e tanto e você passa a maior parte do tempo tentando entender o máximo que você pode sobre isso. Nós estamos certamente vendo notícias 24 horas por dia”, disse o técnico à rádio.

Payton começou sentir fadiga e febre baixa em 15 de março, um dia após participar de uma corrida de cavalos em Oaklawn Park, em Hot Springs, Arkansas. Após quatro dias com os sintomas, realizou o exame e testou positivo para a doença no dia 19 de março.

Quando foi descoberta a infecção, o técnico de 56 foi alvo de duras críticas online e rebateu: “Ei, se eu soubesse que tenho isso (COVID-19), não estaria na pista de corrida há duas semanas”, disse Payton. “A pista de corrida estava fechada, eu estava lá (com um) pequeno grupo de proprietários”.

“Eu tinha sintomas, não usaria um teste se não tivesse sintomas”, acrescentou. Sean Payton está bem melhor em sua casa, e afirmou não estar sentindo os sintomas respiratórios do COVID-19 há quatro dias.

Sean Payton está há 13 temporadas no comando do New Orleans Saints. No ano de 2010, sagrou-se campeão do Super Bowl XLIV, quando a franquia da Louisiana venceu o Indianapolis Colts por 31 a 17, no Sun Life Stadium, em Miami, Flórida. Antes de comandar o time de New Orleans, passou três anos como coordenador ofensivo do New York Giants (2000-02).

(Foto: Reprodução Twitter/New Orleans Saints)

Oddsshark