18/06/2019 - 18h48

Oakland Raiders assina contrato com Clelin Ferrell, escolha 4 do Draft

Após contestada seleção logo cedo no Draft, Oakland Raiders assina acordo com estrelas defensivas de Clemson

Nesta terça-feira (18), o Oakland Raiders anunciou que os dois defensores draftados do atual campeão universitário, Clemson Tigers, fecharam seus acordos de calouros. O defensive end Clelin Ferrell, escolhido na quarta posição do último Draft, e o cornerback Trayvon Mullen, escolhido na posição de número 40, finalizaram os detalhes e agora voltam suas atenções ao campo.

Ferrell, que foi tido por muitos como uma aposta arriscada por ser escolhido tão cedo no Draft, assinou um contrato com valor máximo de US$ 31 milhões. Como foi escolhido na primeira rodada, houve a inclusão da cláusula de quinto ano, que pode ser muito importante para os Raiders, visto que a equipe selecionou três jogadores no primeiro dia e isto pode ajudar em futuras renovações.

O defensive end chega à NFL com a responsabilidade de ser nada menos que o substituto de Khalil Mack. Após a unidade defensiva de Oakland anotar apenas 13 sacks em 2018, Ferrell sofrerá a cobrança de elevar significativamente este número. Como foi escolhido muito antes do que se esperava, o líder dos campeões universitários terá de produzir muito bem desde seu primeiro ano entre os profissionais.

Mullen, por sua vez, foi draftado no segundo dia, então seu contrato de calouro terá validade de 4 anos, sem opção de quinto ano. O valor máximo fixado para o novo cornerback da equipe foi de US$ 7,25 milhões.

No fim do dia, os Raiders anunciaram também a assinatura com Johnathan Abram, safety de Mississippi State selecionado na posição 27 do Draft. Com isso, entre os nomes mais relevantes resta ainda o de Josh Jacobs, running back, também selecionados na primeira rodada, sem contrato assinado.

(Foto: Reprodução Twitter/Oakland Raiders)

*Atualizado em 19 de junho de 2019, às 12h35

Oddsshark