25/09/2016 - 23h38

No reencontro de Norman e Beckham Jr., Redskins vencem Giants

Time de Washington não derrotava rival em NY desde 2011; homenagens a Fernandez; Vikings imbatíveis; Siemian arrasador

Redskins venceram os Giants por 29 a 27As coisas foram tensas no jogo divisional entre Washington Redskins (1-2) e New York Giants (2-1). Em um duelo com muitas jogadas malucas, inclusive um fake punt que gerou um passe longo do punter Tress Way, a equipe da capital se aproveitou da imprecisão característica de Eli Manning para vencer o jogo por 29 a 27. Desde 2011 Washington não vencia o rival New York fora de casa.

O resultado deixou em 2 a 0 o placar pessoal de Josh Norman em cima de Odell Beckham Jr. Os dois jogadores que protagonizaram uma das maiores rivalidades pessoais da última temporada num jogo entre Giants e Panthers (vencido por Carolina), voltaram a se enfrentar, agora com Norman pelos Redskins. E o duelo continuou quente, com direito a este golpe de MMA do cornerback pra cima do wide receiver.

Odell fechou a partida com 7 recepções para 121 jardas, mas nenhum TD. A forte marcação de Norman foi poucas vezes vencida por OBJ de forma efetiva. O WR dos Giants ficou bastante inconformado com a derrota ao final da partida e inclusive foi pego chorando na sideline. Já Josh teve 5 tackles na partida e muitos motivos para sorrir. No fim, os dois se abraçaram após o jogo.

Manning lançou para 337 jardas, 1 touchdown e 2 interceptações, incluindo uma no final de jogo, que decretou a vitória dos Redskins. Eli ganhou o apoio terrestre de dois jogadores que não apareceram muito nas primeiras semanas: Shane Vereen e Orleans Darkwa. Já Kirk Cousins teve 282 jardas e 2 touchdowns, sendo um lançado para o nome da partida, o wide receiver DeSean Jackson.

(Foto: Al Bello/Getty Images)

Em tarde de homenagens a Fernandez, Dolphins vencem Browns na prorrogação

Miami Dolphins (1-2) e Cleveland Browns (0-3) fizeram um jogo muito bom, o que ninguém esperava considerando as campanhas das duas equipes nesse começo de campeonato. Com ambas buscando a primeira vitória da temporada, o jogo foi para a prorrogação, onde a equipe da Flórida levou a melhor por 30 a 24.

A vitória comoveu os torcedores do beisebol da cidade também, que se recuperam da perda trágica do pitcher José Fernandez, ace do Miami Marlins. Antes da partida, foram muitas homenagens dos Dolphins ao cubano que morreu neste domingo (25).

As coisas não começaram bem no jogo. Com dois turnovers seguidos contra os dois times, além de um Field Goal errado de Cleveland depois do touchdown dos Dolphins. Cody Parkey, kicker dos Browns contratado ontem, ainda viria a errar mais dois no fim do jogo. Isso pesou muito, pois Jay Ajayi conseguiu a vitória na prorrogação, num jogo bom de Ryan Tannehill.

Tannehill conseguiu 3 touchdowns, mesmo com 2 interceptações, errando menos da metade dos passes que tentou e vencendo o jogo. Pelo lado dos Browns, que usaram o terceiro quarterback em três jogos, Cody Kessler não teve touchdowns e 227 jardas. O destaque do jogo vai para o quarterback/wide receiver/safety Terrelle Pryor, que foi o líder de recepções dos Browns.

Cam Newton tem tarde de pesadelos e Vikings vencem em Carolina

Um dos raros jogos ruins de Cam Newton nas duas últimas temporadas veio contra a fortíssima defesa do Minnesota Vikings (3-0), que venceu o Carolina Panthers (1-2) por 22 a 10 e segue invicto. Mesmo sem Teddy Bridgewater e Adrian Peterson, os Vikes estão surpreendendo nas duas últimas vitórias, que aconteceram contra dois contenders da liga.

Newton teve 198 jardas e 3 interceptações, além de ter levado um safety quando o jogo ainda estava 10 a 0. A defesa dos Vikings provou ser uma das melhores ds NFL hoje, levando a equipe à vitória e aliviando a pressão de Sam Bradford, que teve 153 jardas e 1 touchdown.

Trevor Siemian tem jogo da vida e Broncos vencem a terceira

Em um dos jogos mais esperados dessa rodada, o Cincinnati Bengals (1-2) perdeu para o segundo quarterback rookie do Denver Broncos (3-0) em duas temporadas seguidas, dessa vez levando um show. Trevor Siemian justificou a escolha e fez um jogo quase perfeito para garantir a invencibilidade da equipe, triunfo por 29 a 17.

Siemian lançou 4 touchdowns e 303 jardas, sendo o principal nome da partida. Pelo lado dos Bengals, Jeremy Hill jogou bem e Andy Dalton não, já que teve apenas 189 jardas e 1 int.

Jogos da Semana 3 da NFL:

Quinta-feira (22/09)

Houston Texans 0 @ 27 New England Patriots

Domingo (25/09)

Arizona Cardinals 18 @ 33 Buffalo Bills
Minnesota Vikings 22 @ 10 Carolina Panthers
Denver Broncos 29 @ 17 Cincinnati Bengals
Detroit Lions 27 @ 34 Green Bay Packers
Baltimore Ravens 19 @ 17 Jacksonville Jaguars
Cleveland Browns 24 @ 30 Miami Dolphins (OT)
Washington Redskins 29 @ 27 New York Giants
Oakland Raiders 17 @ 10 Tennessee Titans
San Francisco 49ers 18 @ 37 Seattle Seahawks
Los Angeles Rams 37 @ 32 Tampa Bay Buccaneers
San Diego Chargers 22 @ 26 Indianapolis Colts
New York Jets 3 @ 24 Kansas City Chiefs
Pittsburgh Steelers 3 @ 34 Philadelphia Eagles

Sunday Night Football

Chicago Bears @ Dallas Cowboys

Segunda-feira (26/09)

Monday Night Football

21h30 – Atlanta Falcons @ New Orleans Saints

Oddsshark