13/07/2019 - 22h13

Melvin Gordon afirma que espera um novo contrato dos Chargers

Running back ainda espera que sua atual equipe faça uma proposta para sua permanência

Chargers garantem vitória contra Raiders pela Semana 10 da NFL 2018.Após afirmar que exige ser trocado caso não recebesse um novo contrato, o running back Melvin Gordon se manifestou novamente, mas dessa vez, disse que ainda espera que esse novo ciclo continue sendo com a camisa do Los Angeles Chargers.

O jogador recentemente se aproximou da equipe para solicitar um novo acordo. Gordon enfatizou neste sábado o seu desejo de assinar um novo contrato, especificamente com a única equipe da NFL que ele já jogou.

“Eu quero ficar com os Chargers “, disse ele na SportsCon, uma convenção esportiva em Dallas neste fim de semana. “Quero dizer, essa é a minha casa. Eu quero voltar para os Chargers. Essa é a equipe que me abençoou com uma oportunidade. Eles mudaram a minha vida. De todas as 32 equipes, essa foi a equipe que me ligou, não posso esquecê-la por isso.”

“Mas como eu disse, agora é uma oportunidade onde eu sei que preciso tirar proveito disso. Eu quero ser pago. Espero que eu acabe como um Charger, esse é o objetivo”.

Gordon, de 26 anos, deve faturar US$ 5,6 milhões no quinto e último ano de seu contrato, o que o coloca em 11º lugar entre os running backs mais bem pagos da liga. Votado para o Pro Bowl em três temporadas, incluindo uma que o levou a ter seus melhores números da carreira em jardas por corrida (5,1), recebendo jardas (490) e touchdowns (14) em apenas 12 jogos, ele acredita que ainda deve subir de patamar.

Caso não se apresente para o training camp dos Chargers em 24 de julho, ele estará sujeito a multas de até US$ 40 mil por cada dia perdido, como diz o acordo coletivo de trabalho. Tom Pelissero, da NFL Network, informou no início desta semana que há uma “forte possibilidade”, segundo Gordon, de ambos os lados chegarem a um acordo antes desta data.

Por mais que Gordon valorize ser um Charger, ele acredita firmemente em seu próprio valor como um dos jogadores mais versáteis da NFL.

“Você viu o que aconteceu quando Zeke (Ezekiel Elliott) estava fora. Era um time completamente diferente”, disse Gordon sobre o Dallas Cowboys. “Você poderia substituir os jogadores medianos, sim. Mas você não pode simplesmente substituir uma estrela. E as pessoas pensam que você pode fazer isso. Vai ser uma diferença, nós fazemos muito para que as pessoas tentem nos desvalorizar. Nós bloqueamos, temos que correr com a bola, temos que pegar proteções, pegamos a bola, temos que fazer o que os recebedores fazem, nós temos que fazer a nossa coisa, nós temos muito que passa por nós”.

“Eu digo às pessoas que a posição mais difícil que não seja a do running back, é o quarterback, que é o único. Porque você tem que saber muito. Fora disso, correr é a próxima posição mais difícil no campo, e devemos ser pagos como tal.”, completou o RB de Los Angeles.

As próximas semanas serão decisivas para Melvin Gordon e os Chargers e em breve essa história deve ter um desfecho.

(Foto: Divulgação/Los Angeles Chargers)

Oddsshark