27/03/2020 - 21h26

Melvin Gordon admite arrependimento por greve em disputa contratual com os Chargers

Durante confêrencia para se apresentar como novo Bronco, Gordon disse que se pudesse voltar no tempo, não teria feito a greve

CARSON, CA - DECEMBER 22: Melvin Gordon #28 of the Los Angeles Chargers runs on a pass play during the second half of a game against the Baltimore Ravens at StubHub Center on December 22, 2018 in Carson, California.O novo running back do Denver Broncos, Melvin Gordon, fez uma conferência de imprensa nesta sexta-feira (27/03) para se apresentar oficialmente e acabou admitindo que se arrependeu de ter feito a greve durante disputa contratual com o Los Angeles Chargers em 2019.

Entretanto, não foi por não ter conseguido um contrato maior que o RB sente arrependimento. “Foi difícil, mas eu definitivamente arruinei alguns relacionamentos (com seus companheiros de equipe)”, disse Gordon. “Tudo faz parte, obviamente você tenta colocar de lado e tenta ir lá e ainda dar tudo de si. Foi o que eu tentei fazer.”

“Algumas vezes foi definitivamente difícil. Você meio que sente a tensão. Eu meio que senti a tensão andando por lá”, afirmou o novo parceiro de Phillip Lindsay no backfield de Denver. “Mas eu tentei o meu melhor para tentar e ficar com um sorriso na minha cara e aparecer para trabalhar todos os dias. Com eu disse, foi difícil. Foi desafiador, mas eu passei por aquilo. É claro, eu não posso voltar e desfazer o que eu fiz. O que foi feito foi feito. Agora eu estou aqui.”

O running back chegou a receber uma oferta dos Chargers, que lhe pagaria US$ 10 milhões por ano, mas ele queria receber um contrato parecido com o de Ezekiel Elliott, Todd Gurley e Le’Veon Bell. Ele até fez um pedido para ser trocado, mas nada foi para frente.

“Eu provavelmente voltaria atrás (sobre fazer greve)”, completou Gordon. “Mais por causa do meu legado e do que eu estou tentando fazer como um jogador, minha marca que eu estou tentando deixar.”

Por causa da greve ele perdeu os quatro primeiros jogos da temporada passada e quando voltou, correu para 612 jardas e oito touchdowns, a partir da semana 5. “Obviamente, aqueles jogos eu não posso ter de volta. Começar devagar e depois pegar o passo na parte final da temporada, mas já era muito tarde.”.

(Foto: Sean M. Haffey/Getty Images)

Oddsshark