25/06/2019 - 12h12

LeSean McCoy usa a idade como motivação para a temporada 2019

Running back dos Bills acredita que sua idade não é um problema - pelo contrário

MIAMI GARDENS, FL - DECEMBER 31: LeSean McCoy #25 of the Buffalo Bills rushes during the second quarter against the Miami Dolphins at Hard Rock Stadium on December 31, 2017 in Miami Gardens, Florida.LeSean McCoy completará 31 anos em julho, época em que a maioria dos running backs da NFL estão em declínio ou já foram forçados a pendurar suas chuteiras.

Mas a estrela do Buffalo Bills, que registrou o menor número de jardas em toda a sua carreira em 2018, quando correu para 514 e anotou três touchdowns, está usando os céticos como motivação para contrariar a sabedoria convencional sobre a vida útil de um jogador da sua posição.

“Eu uso idade e esse tipo de coisa para me motivar”, disse McCoy a Aaron Carr, da PennLive, no sábado. “Toda a minha vida eu tenho sido o azarão. Ele é grande o suficiente? Ele é durão o suficiente? Ele pode jogar nos profissionais? Eu sinto que caras como eu aparecem de vez em quando e eu quero continuar. Eu estou pronto para isso”.

McCoy só precisa olhar para seu parceiro de backfield, Frank Gore, para ter inspiração extra. Os Bills assinaram com o running back de 36 anos depois de uma temporada em que ele correu para mais de 700 jardas atuando pelo Miami Dolphins, registrando a maior média de jardas pessoal (4,6) desde a temporada de 2012.

“Todo dia eu vejo Gore treinando duro”, disse McCoy. “Eu vejo seu crescimento, sua inteligência, sua capacidade. Isso me mostra que tudo é possível”.

Os Bills também trouxeram T.J. Yeldon na agência livre, sinalizando que pretendem aliviar a carga de trabalho de McCoy. Mas o running back, que há apenas dois anos teve uma temporada de 1.138 jardas e seis touchdowns, ainda não está pronto para desistir de ser o destaque da franquia. “É difícil substituir um cara como eu”, concluiu.

(Foto: Mike Ehrmann/Getty Images)

Oddsshark