NFL

26/03/2020 - 14h19

Cincinnati Bengals não descarta seguir com Andy Dalton no elenco

Sem conseguir troca, Bengals consideram a possibilidade de manter quarterback veterano como reserva e mentor

Quarterback do Cincinnati Bengals Andy DaltonEm uma offseason extremamente movimentada para os quarterbacks, Andy Dalton segue onde estava. Sem conseguir uma troca, o Cincinnati Bengals já considera a possibilidade de manter o veterano no elenco. A informação foi revelada por Ian Rapoport, da NFL Network, nesta quinta-feira (26).

Donos da primeira escolha geral do Draft deste ano, os Bengals cogitam manter Andy Dalton como reserva e mentor do futuro quarterback selecionado pelo time (ao que tudo indica, Joe Burrow).

Durante a participação no programa NFL Total Access, Rapoport afirmou que Cincinnati mantém todas as opções sobre a mesa. O último ano de contrato de Dalton custará US$ 17,7 milhões, mas sem valor garantido. Além disso, há a incerteza quanto aos programas de treinamento de pré-temporada, causada pela pandemia do novo coronavírus. Os dois fatores permitem aos Bengals avaliar a situação com calma e sem a necessidade de apressar a decisão.

O time de Cincinnati buscou trocar o quarterback, mas os potenciais destinos do veterano – como Chicago Bears, New England Patriots, Tampa Bay Buccaneers e Carolina Panthers – buscaram outras soluções para a posição. Os Bengals também avaliam a possibilidade de reestruturar o contrato de Dalton ou até mesmo cortar o jogador.

Selecionado pelo Cincinnati Bengals na segunda rodada do Draft em 2011, Andy Dalton tem 133 jogos disputados pelo time ao longo de nove temporadas. O quarterback tem 62% de aproveitamento nos passes e lançou para 31.594 jardas, 204 touchdowns e 118 interceptações, com rating de 87,5. Dalton foi votado para o Pro Bowl em três ocasiões, a mais recente em 2016.

(Foto: Reprodução Twitter/Cincinnati Bengals)

Oddsshark