NFL

03/02/2020 - 00h12

Chiefs vencem 49ers e encerram jejum de 50 anos no Super Bowl

Mahomes lança duas interceptações, mas se recupera e conduz virada dos Chiefs sobre os 49ers no último quarto

MIAMI, FLORIDA - FEBRUARY 02: The Kansas City Chiefs celebrate after defeating the San Francisco 49ers 31-20 in Super Bowl LIV at Hard Rock Stadium on February 02, 2020 in Miami, Florida. (Photo by Al Bello/Getty Images)Após 50 anos de espera, o Kansas City Chiefs é novamente campeão do Super Bowl. Na noite deste domingo (2), o time encaixou uma sequência de 14 pontos no último quarto e venceu o San Francisco 49ers pelo placar de 31 a 20 para conquistar o troféu Vince Lombardi pela segunda vez na história da franquia. E, após duas décadas, Andy Reid enfim é campeão da NFL como head coach.

Eleito o MVP do Super Bowl LIV, Patrick Mahomes encerrou a partida com 26 passes completos em 42 tentativas, lançando para 286 jardas, dois touchdowns e duas interceptações. O quarterback também correu nove vezes com a bola, ganhando outras 29 jardas e entrando uma vez na end zone. Herói improvável da conquista, Damien Williams comandou o jogo terrestre com 104 jardas e um touchdown em 17 tentativas, além de ter completado quatro recepções para um total de 29 jardas, anotando a pontuação do título. Tyreek Hill foi o alvo mais acionado, completando nove recepções para um total de 105 jardas. Travis Kelce foi o responsável pelo outro touchdown da equipe, completando seis recepções para um ganho total de 43 jardas.

Pelo lado dos 49ers, Jimmy Garoppolo se viu obrigado a lançar a bola com frequência pela primeira vez na pós-temporada. O quarterback completou 20 passes em 31 tentativas, conquistando 219 jardas com um touchdown e duas interceptações. Raheem Mostert liderou o jogo terrestre com 58 jardas e um touchdown em 12 corridas. Kendrick Bourne, com 42 jardas em duas recepções, foi o líder entre os recebedores. O fullback Kyle Juszczyk, com 39 jardas e um touchdown em três recepções, foi o segundo da lista. Principais alvos de Garoppolo na temporada, Deebo Samuel, Emmanuel Sanders e George Kittle registraram, respectivamente, 39, 38 e 36 jardas. A defesa apresentou mais uma noite produtiva, registrando quatro sacks, quatro tackles para perda de jardas e dois turnovers forçados.

A primeira jogada do Super Bowl LIV foi um pitch de Patrick Mahomes para Damien Williams, que rendeu um bom ganho de sete jardas. Entretanto, foi o único avanço dos Chiefs no drive. Absolutamente brutal, o pass rush dos 49ers não deu tempo algum a Patrick Mahomes e forçou um three-and-out. Os representantes da NFC sofreram um pequeno susto quando Richie James Jr. soltou a bola ao tentar o retorno, mas conseguiu evitar o turnover. Em uma jogada clássica do playbook de Kyle Shanahan, Deebo Samuel fez um reverse para um ganho de 32 jardas. A defesa de Kansas City apareceu bem e conseguiu parar os adversários na linha de 20. Robbie Gould entrou em campo para converter um chute de 38 jardas e abrir o placar da decisão.

Recorrendo ao jogo terrestre, os Chiefs conseguiram responder e mover a bola. Com mais espaço para Mahomes lançar, os campeões da AFC alcançaram a red zone adversária, e, em um scramble do quarterback, chegaram à linha de cinco. A defesa dos Niners ainda forçou uma quarta descida curta, convertida com sucesso por Damien Williams. E foi Mahomes, segurando a bola e partindo para a corrida, o responsável por anotar o primeiro touchdown do jogo.


Os 49ers responderam com um passe longo na direção de Emmanuel Sanders para abrir a campanha seguinte. Entretanto, a defesa dos Chiefs conseguiu vencer o duelo nas trincheiras e chegou em Jimmy Garoppolo. E, após um tackle para perda de jardas, o time de Kansas City forçou um péssimo lançamento do quarterback sob pressão. Bashaud Breeland aproveitou a chance e forçou o primeiro turnover da partida, com uma interceptação.

Mahomes abriu a campanha com um passe longo para Sammy Watkins, levando o time ao campo de ataque. Os Chiefs novamente estenderam a campanha com uma conversão de quarta descida, dessa vez em um pitch de Mahomes para Damien Williams. A defesa de San Francisco conseguiu impedir um avanço maior e limitou o prejuízo a um field goal de Harrison Butker.

Tendo feito apenas 12 jogadas até então, o ataque dos Niners enfim conseguiu entrar na partida. Com o jogo terrestre encaixando, Garoppolo teve espaço para abusar dos passes pelo meio do campo e explorar o play-action. Receita de sucesso para San Francisco: novamente no play-action, Kyle Juszczyk apareceu para completar uma recepção curta e ganhou de Daniel Sorensen. Com caminho livre, o full back mergulhou em direção à end zone para buscar o empate.


O touchdown equilibrou o jogo, e San Francisco forçou um three-and-out de Kansas City. Com pouco menos de um minuto restando antes do half-time show, Garoppolo conseguiu a conexão com George Kittle em um passe longo, que conduziria a equipe até a linha de 13 jardas. Mas o tight end cometeu uma falta e anulou o lance, efetivamente encerrando o primeiro tempo.

Na volta do intervalo, os 49ers voltaram à frente do marcador. Novamente explorando o jogo terrestre e alguns passes curtos de Garoppolo, o time conseguiu posicionar Robbie Gould para mais um field goal. O pass rush da equipe voltou a funcionar, primeiro forçando Mahomes a acertar um belo passe saindo do pocket. Em seguida, foi a vez de Nick Bosa conseguir forçar um fumble, recuperado pelo próprio quarterback. Era um prenúncio do que viria: em uma leitura errada, o quarterback dos Chiefs buscou Tyreek Hill para uma conversão longa e lançou a bola nas mãos de Fred Warner.

Aproveitando o momento favorável, os Niners não desperdiçaram o turnover. Garoppolo converteu uma crucial terceira descida em um passe longo para Kendrick Bourne. Na sequência, Juszczyk levou a bola à linha de uma jarda, quase anotando o segundo touchdown na partida. Coube a Raheem Mostert forçar a entrada na end zone e abrir 20 a 10 no placar ao fim do terceiro quarto.


Os Chiefs encaixaram uma sólida campanha em resposta. Mesmo após um sack de DeForest Buckner, que custou nove jardas, Mahomes conseguiu uma corrida longa para compensar e posicionar os representantes da AFC para um field goal. O quarterback disparou um passe rápido para Tyreek Hill, que teria garantido o first down. Entretanto, surpreendentemente, uma das conexões mais seguras da NFL falhou: o wide receiver não conseguiu segurar a bola e a desviou diretamente para as mãos de Tarvarius Moore, que registrou a primeira interceptação da carreira.

Kansas City evitou um estrago maior e forçou um punt. Com a bola, os Chiefs sofreram um revés após um desafio de Kyle Shanahan reverter um passe de Mahomes para Hill, forçando uma terceira descida longa no campo de defesa. Mas a estrela do quarterback enfim voltou a brilhar: compensando a falha anterior, o MVP da temporada 2018 conectou um lançamento de 44 jardas com o wide receiver, levando a bola até a red zone. Uma falta de Moore, o herói do turnover anterior, em Travis Kelce na linha da end zone levou a bola à linha de uma jarda. Executando um play-action, Mahomes encontrou o tight end livre para diminuir a vantagem e deixar o marcador em 20 a 17.


O momento passou para o lado dos Chiefs, que forçaram um three-and-out logo em seguida para recuperar a bola com cinco minutos no cronômetro. E com tempo de sobra para trabalhar, Mahomes encaixou uma ótima sequência de passes, movendo a bola até a linha de dez com um passe longo para Sammy Watkins. A defesa dos Niners apareceu bem, forçando uma terceira descida. Mas, em um passe curto para Damien Williams, Kansas City voltou à frente. Após uma longa revisão da arbitragem, a pontuação foi confirmada, restando pouco menos de três minutos para o fim.


Precisando de um touchdown para a virada, a opção dos 49ers era lançar a bola. Jimmy Garoppolo desperdiçou a possível bola do jogo com um overthrow na direção de Emmanuel Sanders. Em seguida, Frank Clark levou o quarterback ao chão para forçar o turnover on downs. Para colocar um ponto de exclamação na conquista, Williams disparou em uma corrida pela esquerda e anotou um touchdown de 38 jardas.


Ainda havia tempo para um último lance. No desespero, Garoppolo forçou um passe para Deebo Samuel e foi interceptado pela segunda vez na noite, agora por Kendall Fuller. Andy Reid e Patrick Mahomes já celebravam na sideline: o Super Bowl LIV estava selado pelo Kansas City Chiefs.

Esta é a segunda conquista da equipe de Kansas City em três aparições na final. A primeira veio no Super Bowl IV, em 1970, com uma vitória sobre o Minnesota Vikings. Já o San Francisco 49ers sofre a segunda derrota em sete decisões. A conquista mais recente da franquia foi o Super Bowl XXIX, sobre o San Diego Chargers.

(Foto: Al Bello/Getty Images)

Oddsshark