25/03/2020 - 23h09

TD Garden demite centenas de funcionários em meio a quarentena

Apesar da decisão, Bruins criam fundo para ajudar funcionários e Celtics pagarão todos os trabalhadores ligados à franquia

coronavirus nbaCasa de jogos importantes da NBA (Boston Celtics) e da NHL (Boston Bruins), o TD Garden foi assunto na mídia norte-americana nesta quarta-feira (25). A direção responsável por gerir o ginásio anunciou a demissão de funcionários que nele trabalhavam por conta da ausência de jogos e eventos durante o período de quarentena que acomete os Estados Unidos.

Segundo o jornal Boston Globe, o número de trabalhadores demitidos é de centenas de pessoas. Vale lembrar que, por causa da pandemia global do Coronavírus, a temporada da NBA foi suspensa no dia 11 de março; por sua vez, a NHL seguiu a mesma linha e interrompeu suas atividades um dia depois e reduziu temporariamente o salário de seus funcionários.

Sem jogos, os operadores do TD Garden optaram por esta decisão para contenção de gastos. Para amenizar os problemas financeiros destes trabalhadores, o Boston Bruins anunciou que criou um fundo de US$ 1,5 milhão para auxiliá-los durante o período de quarentena.

Já o Boston Celtics garantiu o pagamento integral de salários de todos os funcionários da franquia enquanto a pandemia durar.

Quando as ligas voltarão?

Em relação a prazos para o retorno dos jogos, a NBA definiu como máximo o mês de setembro para realizar suas finais; enquanto que a NHL não passou nenhuma previsão concreta, mas conversou com as equipes sobre disponibilidade dos ginásios para o mês de agosto.

(Foto: divulgação/TD Garden)

Oddsshark