17/04/2019 - 00h06

Raptors vencem Magic em casa e igualam série

Com grande partida de Kawhi Leonard, equipe de Toronto leva confronto do leste para Orlando empatado

O Toronto Raptors derrotou o Orlando Magic nesta terça-feira (16) pelo placar de 111 a 82 na Scotiabank Arena. A equipe do Canadá conquistou a primeira vitória na série e iguala o confronto, com uma vitória para cada lado.

O destaque da partida foi Kawhi Leonard que anotou 37 pontos, convertendo 15 de 22 field goals na partida, em cerca de 33 minutos em quadra. Kyle Lowry, que ficou zerado no jogo 1 da série, foi responsável por 22 pontos na partida além de sete assistências. Pascal Siakam teve duplo-duplo nos pouco mais de 36 minutos que esteve em quadra, com 19 pontos e 10 rebotes. Pelo Magic, Aaron Gordon foi quem chamou a atenção ao ter 20 pontos, tendo grande ajuda dos alas-armadores Terrence Ross (15 pontos) e Evan Fournier (10 pontos e cinco rebotes).

Os jogadores de Nick Nurse foram melhores no aproveitamento de arremessos (48,3% contra 37%), no aproveitamento de arremessos de três pontos (31,4% contra 26,5%), no aproveitamento de lances livres (94,1% contra 54,2%), em assistências (25 contra 17), em rebotes defensivos (36 contra 33), em roubos de bola (10 contra dois), em tocos (cinco contra quatro), em turnovers (sete contra 17) e em pontos anotados em turnovers (26 contra nove). Os comandados de Steve Clifford se saíram na frente apenas nos rebotes ofensivos (12 contra seis).

O JOGO

A partida começou com um ritmo forte dos Raptors no ataque e na defesa, com Kawhi Leonard anotando 10 pontos em pouco mais de seis minutos em quadra e com sua equipe abrindo uma larga vantagem antes da metade do quarto. O Magic conseguiu diminuir a diferença com uma boa atuação de Terrence Ross, mas a liderança dos canadenses se manteve durante todo o restante do quarto. Fred VanVleet errou um arremesso de três pontos com três segundos para o fim da partida, mas o time de Toronto vencia a primeira parcial por 26 a 18.

No segundo quarto, a partida ficou equilibrada mas começou com os Raptors mantendo o ritmo muito produtivo no ataque e na defesa. Ross manteve a grande produtividade ofensiva que terminou o primeiro período, e fez com que a diferença de pontuação não aumentasse muito. Kyle Lowry, que terminou o primeiro jogo zerado em pontuação, teve seu 15º ponto na partida depois de converter uma jogada com uma bandeja, e viu D.J. Augustin, herói do jogo 1, errar o arremesso final para ir para os vestiários vencendo por 51 a 39 (25 a 21 no quarto).

Na volta dos vestiários, os Raptors fizeram valer o fator casa e fecharam a defesa muito bem e mantiveram uma grande produção ofensiva. Mesmo com Ross não mantendo a boa atuação que teve no primeiro tempo, Kawhi continuou com a mão calibrada e teve 34 pontos em 12 minutos em quadra no período. Norman Powell roubou a bola das mãos do camisa 31 com cerca de cinco segundos para o último quarto, e converteu uma bandeja para se manter na frente do placar por 90 a 66 (39 a 27 no quarto).

No último quarto, os Raptors abriram mais a liderança, chegando a ultrapassar os 100 pontos na partida depois de VanVleet converter um arremesso de média distância com cerca de oito minutos a serem disputados. A diferença chegou a passar dos 30 pontos com Serge Ibaka sofrendo falta de Khem Birch e acertando os dois lances livres. Com o resultado já sendo dado como certo, os técnicos colocaram os reservas em quadra, só esperando o cronômetro zerar para decretar a vitória da equipe da casa por 111 a 82 (21 a 16 no quarto).

Com a vitória, os Raptors conquistam a primeira vitória nos playoffs e empatam a série em 1 a 1. O próximo confronto ocorrerá nesta sexta-feira (19) às 20h no Amway Center, em Orlando, com direito a transmissão para o Brasil pela ESPN.

A SÉRIE: (#2) Toronto Raptors 1-1 Orlando Magic (#7)

JOGO 1: 13/4, Magic 104 @ 101 Raptors
JOGO 2: 16/4, Magic 82 @ 111 Raptors
JOGO 3: 19/4, Raptors @ Magic
JOGO 4: 21/4, Raptors @ Magic
JOGO 5: 23/4, Magic @ Raptors
JOGO 6: 25/4, Raptors @ Magic*
JOGO 7: 27/4, Magic @ Raptors*

* Se necessário

Foto: Reprodução Twitter/Toronto Raptors

Oddsshark