24/05/2020 - 19h32

Matt Barnes não se considera campeão da NBA em 2017 pelos Warriors

Veterano foi contratado no final da temporada regular quando Kevin Durant teve lesão

Matt Barnes era agente livre em março de 2017 e foi contratado pelo Golden State Warriors com o objetivo de ser uma peça no elenco que havia perdido Kevin Durant por lesão no joelho. Ele jogou 20 jogos ao longo da temporada e fez parte da rotação vinda do banco, com média de 20 minutos por partida. No entanto, um pouco antes dos playoffs, o veterano torceu o tornozelo.

Como consequência, jogou apenas 10 minutos ao todo nas finais da NBA. Com isso, Barnes não se considera um campeão com os Warriors. Ele acha que não faz parte dos vencedores do anel de campeão, por isso recusou inclusive o prêmio. Ele explicou sobre esse assunto recentemente no podcast “Up in Smoke”, da NBC Sports.

“Entrei quando Durant saiu (por contusão), jogando consistentemente 20 a 25 minutos. Eu me machuco uma semana antes dos playoffs e estou fora. Pior entorse de tornozelo da minha vida. Eu não estou saudável até o final da segunda rodada, quando eles (Warriors) já estão 8-0. Então, eu sendo um veterano, sabendo que eles não vão mudar a rotação, eu não estou esperando que eles mudem a rotação, eu só vou sentar aqui e ser um super veterano”, disse ele, que completou:

“Eu não suei. Não consegui marcar LeBron. Eu tenho uma carona grátis, tenho um anel grátis”. Na ocasião, Durant retornou e foi MVP das finais. Golden State venceu o Cleveland Cavaliers de LeBron James e conquistou mais um título.

Durante sua carreira, Matt Barnes atuou por Los Angeles Clippers, Los Angeles Lakers, Sacramento Kings, Philadelphia 76ers, Phoenix Suns, Orlando Magic e Memphis Grizzlies, além da breve passagem pelos Warriors.

Foto: Divulgação/NBA.com

Oddsshark