19/01/2020 - 05h03

Lakers derrotam Rockets com LeBron James ovacionado pela torcida adversária

Camisa 23 da equipe de Los Angeles ouve gritos de MVP nos minutos finais na vitória de virada fora de casa

O Los Angeles Lakers derrotou o Houston Rockets neste sábado (18) pelo placar de 124 a 115 no Toyota Center, no Texas. A equipe visitante conseguiu o triunfo após virar o placar no terceiro quarto, e o ala LeBron James foi ovacionado pela torcida de Houston com gritos de MVP no final da partida.

King James foi o destaque da partida ao ser responsável por 31 pontos, cinco rebotes, 12 assistências e dois roubos de bola em cerca de 35 minutos e meio em quadra. Kyle Kuzma encerrou a noite com 23 pontos e oito rebotes, e viu Danny Green contribuir com 20 pontos, cinco rebotes e quatro roubos de bola.

Pelos Rockets, Russell Westbrook chamou atenção ao ficar perto de um triplo-duplo com 35 pontos, nove rebotes, sete assistências e três roubos de bola. Ele quase foi acompanhado por James Harden no TD, após The Beard anotar 34 pontos, seis rebotes e sete assistências. Eric Gordon contribuiu vindo do banco com 13 pontos.

Os jogadores de Frank Vogel foram melhores no aproveitamento de arremessos (48,4% contra 44,4%), no aproveitamento de arremessos de três pontos (33,3% contra 32,4%), nas assistências (25 contra 20), nos rebotes ofensivos (15 contra 11), nos roubos de bola (13 contra oito), nos tocos (nove contra quatro), nos turnovers (17 contra 20) e nos pontos anotados em turnovers (22 contra 19). Os comandados de Mike D’Antoni se saíram na frente no aproveitamento de lances livres (79,3% contra 71,9%) e nos rebotes defensivos (35 contra 34).

O JOGO

O primeiro quarto iniciou com os Rockets abrindo uma boa vantagem nos primeiros minutos, chegando a liderar a partida desde o primeiro arremesso do jogo após Harden sofrer falta de JaVale McGee e converter os dois lances livres nos primeiros 30 segundos do confronto. A equipe da casa conseguiu abrir a primeira diferença de dígitos duplos após o “Barba” acertar uma cesta de três com cinco minutos a serem disputados nos primeiros 12 minutos de partida. O arremesso final do quarto veio das mãos de Danuel House Jr., que fez uma tentativa do perímetro mas não acertou a cesta, encerrando o primeiro quarto vencendo por 34 a 27.

No segundo quarto, os Lakers continuaram evitando que os Rockets disparassem na frente do placar, segurando a diferença no placar abaixo dos 10 pontos por boa parte do período. O único momento que a equipe da casa liderou em dígitos duplos veio das mãos de P.J. Tucker, que acertou um arremesso de três pontos após receber passe de Westbrook com menos de dois minutos para o intervalo. Os minutos finais do primeiro tempo foram muito disputados, e se encerraram com Harden tentando um floater dentro do garrafão, mas vendo a bola tocar no aro e não cair. O lance preocupou devido a um contato do astro com McGee, mas ele foi para o vestiário sem sinais de lesão, com o placar registrando a vitória parcial dos texanos por 65 a 59 (32 a 31 para os Lakers no quarto).

Na volta para a quadra, os Lakers retornaram com uma boa defesa e um ataque eficiente, conseguindo assumir a frente do marcador após McGee bloquear uma enterrada de Clint Capela em cima do aro e ver LeBron converter uma bandeja no contra-ataque, após pegar o rebote. A partir desse momento, a equipe de Los Angeles não tomou sustos e abriu uma vantagem de 10 pontos após Kentavious Caldwell-Pope acertar uma cesta de três com cerca de dois minutos e meio a serem disputados. House Jr. tentou um arremesso do perímetro, mas não conseguiu converter a tentativa, decretando o início do último quarto com os Rockets perdendo por 91 a 82 (32 a 17 no quarto).

Nos últimos 12 minutos de jogo, os Lakers continuaram na frente e abrindo cada vez mais a vantagem no marcador com o decorrer do tempo. A maior diferença conquistada no período veio com Kuzma, que recebeu passe de LeBron para finalizar a jogada com uma bandeja, dando ao camisa 23 a 11ª assistência ao abrir 16 pontos de frente. King James deu o 12º passe seguido de cesta com dois minutos e 47 segundos para o fim do jogo, após Green converter uma tentativa do perímetro, fazendo com que o ala se tornasse o primeiro Laker desde Magic Johnson na temporada 1989-90 a anotar mais de 30 pontos e 10 assistências em pelo menos oito jogos. O momento rendeu ao atleta de 35 anos os gritos de “MVP” vindos da torcida de Houston.

O tricampeão da NBA saiu de quadra nos 20 segundos finais, aguardando o relógio zerar para decretar o empate no quarto com 33 pontos para cada equipe e a vitória da franquia de Los Angeles por 124 a 115.

APROVEITAMENTO E PRÓXIMOS JOGOS

Com a vitória, o Los Angeles Lakers conquista o 34º triunfo na temporada e inicia sua segunda metade da temporada como a melhor equipe na Conferência Oeste, com um aproveitamento de 81% em 42 partidas. O Houston Rockets sofre a 15ª derrota no torneio, e fica na sexta posição do Oeste norte-americano, com 63,4% e com 7,5 jogos atrás do líder da conferência.

O próximo compromisso dos Lakers ocorrerá nesta segunda-feira (20), quando protagonizarão o clássico das equipes com mais títulos da liga diante do Boston Celtics (27-14) às 21h30 no TD Garden, com direito a transmissão para todo o Brasil pelo SporTV 2. Os Rockets retornam a quadra uma hora e meia antes, às 20h, quando recebem seu ex-armador, Chris Paul, e o Oklahoma City Thunder (24-19) no Toyota Center.

Foto: Reprodução Twitter/Los Angeles Lakers

Oddsshark