26/01/2020 - 16h58

Kobe Bryant morre em acidente de helicóptero na Califórnia

O eterno ídolo dos Lakers foi uma das vítimas fatais da queda de um helicóptero

LOS ANGELES, CALIFORNIA - APRIL 05: Kobe Bryant #24 of the Los Angeles Lakers walks off the court after an NBA game between Los Angeles Clippers vs Los Angeles Lakers April 5, 2016 at Staples Center in Los Angeles, CaliforniaUm dia de luto para todos os fãs da NBA. Kobe Bryant, grande ídolo do Los Angeles Lakers, morreu aos 41 anos em um acidente de helicóptero neste domingo (26), em Calabasas, cidade californiana. A informação inicial foi do TMZ e confirmada posteriormente por diversas fontes, como Adrian Wojnarowski, da ESPN americana.

Por ironia do destino, a tragédia acontece no dia seguinte a LeBron James, grande estrela atual dos Lakers, ter superado Kobe no número de pontos na história da NBA, se tornando o terceiro maior cestinha de todos os tempos.

O acidente aconteceu na manhã deste domingo, no horário local. Havia nove pessoas no helicóptero segundo a polícia local, incluindo Kobe, e todas morreram. Não há ainda confirmações oficiais de quem são todas as demais vítimas fatais, mas uma delas é Gianna Maria, uma das filhas de Kobe, de apenas 13 anos. Ele era pai de quatro meninas e casado com Vanessa Bryant, que não estava no veículo.

O TMZ confirma que uma das outras vítimas era John Altobelli, técnico de beisebol da Orange Coast College. O site também desmente o rumor de que o ex-jogador da NBA Rick Fox estava no helicóptero.

Imagens do Los Angeles Times indicam o local do acidente.

Lakers star Kobe Bryant.

Nascido na Philadelphia, Kobe Bryant foi draftado em 1996 pelo Charlote Hornets, na 13ª posição, mas foi diretamente trocado para o Los Angeles Lakers, equipe que defendeu por toda sua carreira de 20 anos, encerrada em 2016. Lá, conquistou cinco títulos, foi MVP de duas finais, uma vez MVP da temporada (2008), all-star 18 vezes, all-NBA 15 vezes, 12 vezes eleito para a seleção de defesa da liga e é o líder em pontos da franquia em todos os tempos, com 33.643, a quarta maior marca da NBA. Ainda, Kobe tem duas medalhas de ouro olímpico com a seleção dos Estados Unidos.

Os Lakers aposentaram recentemente os dois números usados por Kobe em sua carreira, o 8 e o 24.

Entre muitos jogos marcantes, vale lembrar dos 81 pontos que Bryant marcou em janeiro de 2006, contra o Toronto Raptors, segunda maior marca de um atleta num jogo de NBA até hoje. Na sua despedida das quadras, em abril de 2016, ele fez incríveis 60 pontos pra cima do Utah Jazz.

Os feitos de sua vida ainda incluem algo inusitado: um Oscar. Ele foi premiado em 2018, pelo curta metragem “Dear Basketball”, vencedor na categoria curta de animação.

A última mensagem pública de Kobe mostra um pouco do homem que ele era. Foi ainda na noite de sábado (25), elogiando LeBron James por ter superado sua marca de pontos na NBA. De certa forma, uma fala emblemática nesse momento. “Continue levando o jogo para frente, @KingJames. Muito respeito, meu irmão”.

*Atualizado em 26 de janeiro de 2020, às 22h09

(Fotos: Sean M. Haffey/Getty Images; Christina House/ Los Angeles Times)

Oddsshark