05/02/2020 - 01h39

Jokic brilha, derruba sequência de Lillard e Denver Nuggets domina Portland Trail Blazers

Pivô flerta com triplo-duplo, acaba com "magia" de Lillard e Nuggets massacram os Blazers no Pepsi Center

Nikola JokicO Denver Nuggets enfrentou o Portland Trail Blazers e venceu pela grande diferença de 127 a 99, nesta terça-feira (4), no Pepsi Center. A partida começou equilibrada, mas em certo momento do segundo quarto o time da casa foi dominante nos dois lados da quadra e abriu vantagem.

Nikola Jokic mais uma vez foi o nome do jogo e terminou com 29 pontos (11/17 nos arremessos de quadra), 13 rebotes e nove assistências. O armador Jamal Murray também foi destaque, com 20 pontos.

Damian Lillard, vindo de grandes semanas, foi totalmente ofuscado pelo grande sistema de marcação do adversário. O camisa 0 anotou 21 pontos, mas teve aproveitamento ruim de 8/23 em chutes de quadra. C.J McCollum foi o melhor do time, com 20 pontos, e Carmelo Anthony terminou o confronto com apenas dois pontos na conta.

Com esse resultado, o Denver Nuggets se estabiliza na terceira colocação da Conferência Oeste, com 35 vitórias e 16 derrotas. O Portland Trail Blazers quebra a sequência de quatro jogos seguidos com vitória e segue em situação complicada por classificação nos playoffs: em nono, a campanha é de 23-28.

O JOGO

O jogo começou com ambos os lados errando bastante, cometendo turnovers e realizando arremessos equívocados. Vindo de uma grande sequência, Lillard iniciou com a mão fria e errou seus primeiros chutes, mas teve sucesso na distribuição de assistências.

Aos poucos, o camisa 0 foi se encaixando, mas sofreu com a forte marcação de Denver e teve dois tocos contra no período, tendo um aproveitamente de 4/11 nos arremessos de quadra. Jokic explorou algumas jogadas individuais, porém foi o coletivo que apareceu com eficiência.

A jogada mais plástica do período inicial foi uma enterrada de Harris no segundos iniciais.

Após vencer parcialmente nos 12 primeiros minutos, os Nuggets continuaram melhores com a rotação vindo do banco. Portland sentiu dificuldades de pontuar e foi se distanciando do placar em certo momento.

Os visitantes passaram muito tempo sem marcar uma cesta sequer e o jogo foi fugindo do controle. Na reta final do segundo quarto, o Denver Nuggets dominou completamente dos dois lados da quadra e construiu uma vantagem de 26 pontos. Lillard foi muito bem marcado, assim como o Portland inteiro, e terminou o primeiro tempo com 13 pontos e 5/16 nos arremessos.

Destaque para Jokic, que ficou com 21 pontos, 10 rebotes e cinco assistências ainda na metade inicial.

Após o intervalo, o jogo continuou o mesmo: domínio total do time da casa. A diferença não ameaçou ficar menor em momento algum e Denver mostrou força defensiva para parar o jogador mais quente da NBA nas últimas semanas. No ataque, pontuou com muita naturalidade, tanto no garrafão como do perímetro.

Com tanta disparidade, o último quarto foi morno e em ritmo de treino, com os reservas atuando por praticamente todo período.

Foto: Divulgação Twitter/NBA

Oddsshark