29/03/2020 - 00h03

James Dolan, dono do New York Knicks, testa positivo para coronavírus

Knicks anunciaram diagnóstico do proprietário da franquia por COVID-19

O New York Knicks anunciou neste sábado (28) que o proprietário James Dolan testou positivo para o novo coronavírus. Ele é também dono do New York Rangers, franquia da NHL.

O anúncio foi feito através das redes sociais da assessoria dos Knicks, afirmando que ele continua exercendo as funções de dono da franquia e como presidente executivo e CEO do Madison Square Garden Company. A mensagem do time de Nova York ainda menciona que Dolan está em isolamento próprio e está sentindo poucos sintomas ou nenhum deles.

O anúncio foi feito horas depois de Dolan destinar uma doação para as equipes de eventos do Madison Square Garden. Em nome da James Dolan Family Foundation e da arena dos Knicks, o dirigente anunciou, de acordo com Ian Begley, da SNY, que doará US$ 1 milhão por cada instituição, além de destinar US$ 300 mil para a equipe de gerenciamento do MSG. A arena que sedia os jogos da franquia já teria se comprometido a pagar os salários de seus funcionários até o dia 3 de maio em meio à pandemia de coronavírus e à suspensão da temporada 2019-2020 da NBA.

Quem falou da situação financeira que se encontra na liga de basquete dos Estados Unidos é Gerard Cerda, que vende comida no Madison Square Garden. De acordo com Stefan Bondy, do New York Daily News, o vendedor afirma que muitos não têm certa a situação econômica tanto na vida pessoal como no lado profissional neste momento. “É muito frustrante. Muita gente tem medo de como pagará suas contas, como pagará suas famílias. As pessoas estão muito, muito preocupadas”.

Dolan se torna o 15º caso conhecido de COVID-19 na NBA. Os primeiros casos foram de Rudy Gobert e de Donovan Mitchell, do Utah Jazz, que foram declarados 100% curados nesta sexta-feira (27). Os outros casos envolvem Christian Wood do Detroit Pistons, Kevin Durant do Brooklyn Nets e Marcus Smart do Boston Celtics. Ainda há outros três jogadores nos Nets, três no Philadelphia 76ers, dois no Los Angeles Lakers e um membro da direção do Denver Nuggets, que não tiveram os nomes dos doentes revelados.

Foto: Reprodução / TMZ Sports

Oddsshark