11/07/2019 - 16h23

Giannis Antetokounmpo vence prêmio ESPY 2019 de melhor atleta masculino

Grego recebe principal premiação do evento da ESPN, superando rivais da MLB e da NFL

Giannis Antetokounmpo segue colecionando prêmios individuais. Depois de ser eleito o MVP da temporada 2018-2019 da NBA, o ala do Milwaukee Bucks recebeu nesta quarta-feira (10) o ESPY Award de melhor atleta masculino dos esportes americanos.

O grego derrotou na final da premiação dada anualmente pela ESPN o quarterback Patrick Mahomes, do Kansas City Chiefs (NFL) e o outfielder Mookie Betts, do Boston Red Sox (MLB).

“Só queria avisá-los que eu não vou chorar hoje”, brincou Antetokounmpo ao receber o prêmio, negando que fosse repetir a cena de emoção no dia em que foi eleito MVP da NBA. “Quando criança, nunca imaginei que eu iria vencer os ESPYS, então isto é fruto de trabalho duro e quando você acredita nos seus sonhos, coisas assim podem acontecer”.

Antetokounmpo vem de uma temporada de 27,7 pontos em média, 12,5 rebotes e 5,9 assistências, conduzindo os Bucks à melhor campanha da liga, com 60 vitórias e 22 derrotas. Ele também recebeu o ESPY de melhor jogador da NBA no ano.

O grego dividiu os holofotes com a recém campeã da Copa do Mundo de futebol feminino Alex Morgan, eleita a melhor atleta do ano entre as mulheres. A seleção americana venceu também com “time do ano” na premiação da ESPN.

Outro destaque da noite dos ESPYS entre atletas de basquete foi Zion Williamson, eleito o melhor jogador do esporte universitário, por sua temporada em Duke. Ele agora defenderá o New Orleans Pelicans na NBA.

Na WNBA, Breanna Stewart, do Seattle Storm, foi condecorada com a melhor jogadora da liga. Já o lendário Bill  Russell recebeu o Arthur Ashe Courage Award, dado àqueles cujas contribuições transcendem o esporte.

(Imagem: reprodução vídeo)

Confira abaixo os destaques do ESPYS Awards entre as principais ligas americanas:

Melhor atleta masculino e melhor jogador da NBA: Giannis Antetokounmpo

Melhor jogadora da WNBA: Breanna Stewart

Arthur Ashe Courage Award: Bill Russell

Melhor atleta universitário: Zion Williamson

Melhor jogador da NFL: Patrick Mahomes

Melhor jogador da MLB: Christian Yelich

Melhor jogador da NHL: Alexander Ovechkin

Maior crescimento na carreira: Saquon Barkley (NFL)

Melhor performance quebrando marcas: Drew Brees, superando recorde de Peyton Manning (NFL)

Melhor jogo: Rams x Chiefs (NFL)

Melhor reviravolta: St. Louis Blues (NHL)

Melhores momentos: Rob Gronkowski (NFL), Dwyane Wade (NBA) e Lindsey Vonn (esquiadora)

Oddsshark