29/02/2020 - 12h57

Giannis Antetokounmpo se defende após crítica de James Harden

Ala do Milwaukee Bucks garante que seu jogo não é apenas físico

SANTA MONICA, CALIFORNIA - JUNE 24: Giannis Antetokounmpo accepts the Kia NBA Most Valuable Player award onstage during the 2019 NBA Awards presented by Kia on TNT at Barker Hangar on June 24, 2019 in Santa Monica, CaliforniaSeria Giannis Antetokounmpo um jogador “apenas físico”? Segundo James Harden, sim. Essa treta, que já vem desde junho de 2019, após a vitória do grego como MVP da temporada passada, se intensificou após o draft do último All-Star Game e ganhou novo capítulo na sexta-feira, após o jogador do Houston Rockets afirmar que o grego não é um atleta habilidoso.

O ala do Milwaukee Bucks rebateu os comentários de seu rival na noite de ontem, dando mais um capítulo à polêmica.

“Não tem nenhum ‘bate-volta’ [entre Giannis e Harden]. No final das contas, isso é só o que ele acredita”, disse o astro no programa SportsCenter, da ESPN americana. “Meu jogo não é apenas físico, disso eu tenho certeza. Eu cheguei aqui (na NBA) com 18 anos e 80 quilos. Duelar contra os pivôs era duro”, conta o grego.

A resposta de Giannis vem após mais uma vitória esmagadora. Contra o forte Oklahoma City Thunder, sexto colocado na Conferência Oeste, por 47 pontos de diferença. Antetokounmpo ficou em quadra por apenas 27 minutos, mas deixou 32 pontos, 13 rebotes e seis assistências nas suas estatísticas. Essa foi sua nona partida com mais de 30 pontos marcados e menos de 30 minutos jogados, se tornando o primeiro jogador da história desde a implementação do cronômetro de arremesso a conseguir o feito.

“É difícil correr a toda velocidade e tentar fazer o passe certo para o perímetro. Eu tento dar meus passes mais precisos, e há muitas coisas que ainda estou adicionando. Espero adicionar todas essas coisas no meu jogo. Assim eu me torno um jogador mais completo, melhor, e posso ajudar meu time a vencer os jogos”, contou Giannis.

Com 51 vitórias e oito derrotas, os Bucks estão perto de ter mais uma temporada com mais de 60 triunfos. Após terminar a temporada passada com um campanha de 60-22, a expectativa deste ano é superar essa marca. Assim como sua equipe, o atual MVP também vem em crescente. Seus 29,7 pontos e 13,7 rebotes por jogo são seus melhores números na carreira.

(Foto: Michael Kovac/Getty Images for Turner Sports)

Oddsshark