01/02/2020 - 10h03

Em noite de homenagens a Kobe, Damian Lillard brilha e Blazers vencem Lakers

Em uma linda homenagem a Kobe, Lillard tem partida sublime contra os Lakers

O Los Angeles Lakers voltou às quadras pela primeira vez nesta sexta (31) após o trágico acidente que tirou a vida de Kobe Bryant (um dos maiores ídolos da franquia e do basquete) e de mais 8 pessoas incluindo sua filha Gigi Bryant. Como era de se esperar, o time que o camisa 24 defendeu por 20 temporadas fez uma homenagem que se tornou um dos momentos mais emotivos de toda a história da NBA. Após um discurso de LeBron James que levou muitas pessoas aos prantos, era hora de seguir com o basquete e jogar contra o Portland Trail Blazers.

Os Blazers conseguiram uma surpreendente vitória por 127-119 com direito a uma virada sensacional no último quarto e com Damian Lillard tendo mais uma noite praticamente perfeita.

A partida começou como a maioria dos jogos vêm começando: os Lakers ganharam o tapinha inicial e cometeram uma violação de 24 segundos em homenagem a Kobe. Na sequência os Blazers cometeram a violação de 8 segundos no campo de defesa para homenagear a primeira camisa que “Mamba” usou.

A partida começou com os Lakers utilizando-se do seu tamanho. Os primeiros 12 pontos da equipe foram apenas em enterradas e passes vindos do campo de defesa após LeBron ou Anthony Davis pegarem rebotes. Os times estavam jogando em um ritmo acelerado. Os mandantes cometeram 4 turnovers no período e usaram e abusaram de AD no garrafão. O Monocelha marcou 18 pontos no primeiro quarto. Pelo lado dos Blazers, as bolas de três estavam caindo e Lillard estava disposto a continuar sua série incrível de partidas; ele marcou 13 pontos no primeiro quarto. O primeiro período terminou com os visitantes ganhando por 38-36.

No segundo quarto o jogo diminuiu um pouco de ritmo. Os Blazers mudaram sua abordagem e decidiram explorar mais os espaços no garrafão com Hassan Whiteside, que fez 9 pontos no segundo quarto. Os Lakers continuavam a explorar as chances no garrafão, porém o time abusava dos turnovers; no segundo quarto o time cometeu 8 deles e apesar de dominar as ações, não conseguiu abrir uma boa vantagem enquanto teve chance. O jogo foi para o intervalo com os angelinos vencendo por 62-60.

O terceiro período foi marcado por uma nova explosão de Damian Lillard. O camisa zero estava simplesmente imparável, acertando seus arremessos impossíveis da altura do logo dos Lakers, no qual Kobe Bryant comemorou tantos títulos. Ele marcou simplesmente 23 pontos no terceiro quarto e acertou 6 bolas de três pontos mostrando uma grande atuação para todos os presentes no Staples Center. Os mandantes até tentavam contra-atacar o show de Dame, mas o poder de fogo do time angelino não era capaz de concorrer com os Blazers. A vantagem do time visitante chegou a passar dos 10 pontos e o jogo foi para o último quarto com 103-94 para Portland.

No período final os Lakers até que tentaram reagir, porém em nenhum momento de fato pareceu que o time de LeBron James e Anthony Davis seria capaz de alcançar os Blazers. A tentativa de reação veio “na marra” e o time acertou apenas 33% dos seus arremessos no período. A equipe de Damian Lillard soube controlar com sabedoria o jogo e não foi realmente ameaçada em nenhum momento.

Damian Lillard fez uma partida sublime e terminou o jogo com 48 pontos e 10 assistências, além de pegar 9 rebotes. Hassan Whiteside teve mais uma grande noite e marcou 30 pontos, pegou 13 rebotes e deu mais 5 tocos.

Anthony Davis foi o grande nome do Los Angeles Lakers e terminou a partida com 37 pontos e 15 rebotes. LeBron James marcou 22 pontos e distribuiu 10 assistências.

Os Lakers jogam novamente já no sábado (1) contra os Kings, em Sacramento. Os Blazers irão voltar às quadras também neste sábado, para jogar contra o Utah Jazz.

Foto: Twitter / Blazers

Oddsshark