28/02/2020 - 00h11

Desfalcados, 76ers batem Knicks com 34 pontos de Tobias Harris

Mesmo sem Embiid e Simmons, Philadelphia vence mais uma em casa e segue como melhor mandante da NBA

Desfalcados, 76ers batem Knicks com 34 pontos de Tobias HarrisO melhor mandante da NBA segue fazendo estragos nos seus adversários atuando no ginásio Wells Fargo Center. Mesmo desfalcado dos seus dois melhores jogadores, Joel Embiid e Ben Simmons, ambos lesionados, o Philadelphia 76ers contou com uma grande atuação de Tobias Harris para vencer o New York Knicks por 115 a 106, nesta quinta-feira (27).

Esta foi a 28ª vitória da franquia da Pensilvânia dentro de casa nesta temporada em 30 jogos, igualando a segunda melhor marca da organização na NBA, conquistada pela última vez no ano de 1982/83. Na campanha geral, os comandados de Brett Brown possuem um retrospecto positivo de 37-26 e na tabela de classificação, permanecem na quinta posição da Conferência Leste.

Destaque da partida, Harris comandou as ações dos 76ers e terminou sua apresentação com 34 pontos, sete rebotes e sete assistências. Ênfase ainda para as performances de Al Horford (15 pontos, sete rebotes e nove assistências) e Shake Milton (19 pontos, três rebotes e quatro assistências). O brasileiro Raul Neto não entrou em quadra nesta noite.

Do outro lado, o New York Knicks sofreu a sexta derrota consecutiva e tem uma campanha modesta na liga até aqui com 17-42, caindo do 13° para o 14º lugar do Leste.

No desempenho individual, o grande protagonista dos Knicks no duelo foi Julius Randle, que anotou um duplo-duplo de 30 pontos e 10 rebotes. Já Elfrid Payton marcou dois dígitos em fundamentos também e fechou o confronto com 18 pontos, seis rebotes e 12 assistências.

Além deles, RJ Barrett com 15 pontos, seis rebotes e cinco assistências e Maurice Harkless com 17 pontos e quatro rebotes, sendo 5/7 no aproveitamento nos arremessos do perímetro, tiveram bons números também.

O JOGO

Com Tobias Harris assumindo a responsabilidade nas ausências de Joel Embiid e Ben Simmons, o Philadelphia 76ers foi melhor no primeiro quarto. Com 14 pontos do ala só no período, o time da casa venceu por 26 a 21, após controlar a liderança do placar o tempo todo, aproveitando muito bem a péssima pontaria nos arremessos do New York Knicks.

No segundo quarto, o panorama do jogo piorou para os visitantes e com Harris como o grande cestinha (23 tentos) e aproveitamento incrível (83% e FG 10/12), Philadelphia abriu mais de dois dígitos no marcador e controlou totalmente a parcial, indo para o intervalo vencendo New York (61 a 46), que tinha em Julius Randle (15 tentos) um alento.

Além disso, a nota ruim do primeiro tempo foi a concussão de Dennis Smith Jr., que não voltou mais à quadra.

No terceiro quarto, sob o comando de Randle, os Knicks melhoraram bastante e chegaram a encurtar a distância para um dígito. Com isso, a franquia nova-iorquina ganhou o período (33 a 26) e as equipes foram para a última parte do duelo separadas por oito pontos (87 a 79). Destaque para as cinco bolas do perímetro convertidas de Maurice Harkless na parcial pelo New York.

No quarto derradeiro, Philly não se desesperou, conseguiu controlar o ânimo do rival nos minutos iniciais e se manteve na frente, inclusive com Al Horford e Shake Milton ajudando bastante ofensivamente o ala Tobias Harris. Com isso, apesar da reação do New York Knicks e das grandes atuações de Julius Randle e do armador Elfrid Payton, ambos com duplo-duplo, o Philadelphia 76ers cresceu na reta final novamente, abriu vantagem e mesmo sem suas principais estrelas, confirmou a melhor campanha em casa da liga, vencendo por 115 a 106.

Próximos jogos

Na sequência da competição, o Philadelphia 76ers viajará para a costa oeste dos Estados Unidos e enfrentará o Los Angeles Clippers, neste domingo (1), no ginásio Staples Center. Já o New York Knicks retornará para o ginásio Madison Square Garden, neste sábado (29), e medirá força contra o Chicago Bulls.

Confira a programação dos jogos da rodada desta sexta-feira (28):

Minnesota Timberwolves @ Orlando Magic
Brooklyn Nets @ Atlanta Hawks
Charlotte Hornets @ Toronto Raptors
Dallas Mavericks @ Miami Heat
Sacramento Kings @ Memphis Grizzlies
Oklahoma City Thunder @ Milwaukee Bucks
Cleveland Cavaliers @ New Orleans Pelicans
Detroit Pistons @ Phoenix Suns
Washington Wizards @ Utah Jazz
Denver Nuggets @ Los Angeles Clippers

Foto: Divulgação Twitter / Philadelphia 76ers

Oddsshark