30/12/2019 - 03h27

Chris Paul e Shai Gilgeous-Alexander brilham, e Thunder vence Raptors

Ala-armador empata maior pontuação da carreira, e armador fica perto de um triplo-duplo ao somarem para 57 pontos

Chris Paul e Shai Gilgeous-Alexander brilham, e Thunder vence RaptorsO Oklahoma City Thunder derrotou o Toronto Raptors neste domingo (29) pelo placar de 98 a 97 na Scotiabank Arena, em Toronto. A franquia visitante contou com uma boa atuação da dupla Chris Paul e Shai Gilgeous-Alexander, que foram responsáveis por 57 pontos.

O destaque da partida foi o ala-armador camisa 2, que empatou a sua maior pontuação da carreira com 32 pontos, sete rebotes e três roubos de bola em cerca de 39 minutos em quadra. CP3 ficou perto de um triplo-duplo com 25 pontos, 11 rebotes e oito assistências, e teve ajuda de Nerlens Noel que veio bem do banco com 13 pontos, quatro rebotes, três roubos de bola e três tocos. Pelos Raptors, Fred VanVleet chamou a atenção com 20 pontos e oito assistências, recebendo contribuições de Kyle Lowry (20 pontos e cinco assistências) e de Patrick McCaw (13 pontos).

Os jogadores de Billy Donovan foram melhores no aproveitamento de arremessos (43,6% contra 42,2%), nos rebotes defensivos (35 contra 34), nos roubos de bola (oito contra sete), em tocos (seis contra dois) e em pontos anotados em turnovers (21 contra 13). Os comandados de Nick Nurse se saíram na frente no aproveitamento de arremessos de três pontos (37,5% contra 30,3%), no aproveitamento de lances livres (100% contra 87%), nas assistências (21 contra 15) e em turnovers (14 contra 17), empatando no número de rebotes ofensivos (oito).

O JOGO

Os primeiros 12 minutos de jogo mostraram que seria um jogo disputado, acontecendo cinco trocas de liderança (sendo três dos Raptors) e um empate. Quem ficou mais tempo na frente do marcador foram os donos da casa, que chegaram a abrir cinco pontos de vantagem após McCaw converter um arremesso de três pontos com oito minutos a serem disputados. Paul conseguiu acertar o arremesso final do perímetro, batendo o estouro do cronômetro e encerrando o primeiro quarto na frente por 22 a 20.

No segundo quarto, os Raptors voltaram a se defender melhor e conseguiram voltar a abrir uma boa vantagem em cima dos adversários. A maior diferença do placar no primeiro tempo veio dos alvirrubros canadenses, que viram VanVleet receber passe de McCaw para acertar um arremesso de três para abrir oito pontos de vantagem. O Thunder conseguiu diminuir a desvantagem e voltou a assumir a frente do marcador em outras duas oportunidades. Paul arriscou o arremesso da quadra de defesa, mas não conseguiu acertar a cesta e foi para o vestiário com o placar empatado em 47 pontos (27 a 25 para os atuais campeões no quarto).

Na volta para a quadra, o Thunder voltou organizando uma reação e abriu uma vantagem de oito pontos logo nos primeiros dois minutos e meio do quarto, quando CP3 converteu um arremesso de dois pontos. Mas a partida voltou a ter o equilíbrio, ocorrendo cinco trocas de liderança (sendo três dos visitantes) e dois empates. Os Raptors acabaram tendo a vantagem final, mas não conseguiram abrir mais a diferença após Serge Ibaka tentar cavar uma falta em cima de Steven Adams, decretando o início dos últimos 12 minutos de jogo com a vantagem canadense por 80 a 76 (33 a 29 no quarto).

No último período, o equilíbrio prevaleceu após 11 trocas de liderança (seis do Thunder e cinco dos Raptors) e dois empates, chegando a manter a mesma pontuação por aproximadamente dois minutos. Os últimos cinco minutos da partida acabaram sendo acirrados, com a vantagem não foi superior a um ponto. Gilgeous-Alexander converteu um floater após receber passe do camisa 3, e viu VanVleet errar uma tentativa de três pontos para encerrar o duelo com a vitória no quarto por 22 a 17 e do jogo por 98 a 97.

APROVEITAMENTO E PRÓXIMOS JOGOS

Com a vitória, o Oklahoma City Thunder conquista o 17º triunfo na temporada e sobe para a sétima posição da Conferência Oeste com 53,1% de aproveitamento. O Toronto Raptors sofre a 11ª derrota no torneio e fica na quarta colocação do Leste norte-americano com 66,7% de aproveitamento.

O próximo compromisso do Thunder será no dia 31, quando retornará para casa para receber o Dallas Mavericks (21-11) às 22h na Chesapeake Energy Arena, em Oklahoma. Os Raptors voltam às quadras uma hora antes, às 21h, quando enfrentam o Cleveland Cavaliers (10-22) na Scotiabank Arena, em Toronto. As duas equipes voltam a se enfrentar no dia 15 de janeiro, quando o confronto ocorrerá no lado oeste americano às 22h.

Foto: Reprodução Twitter/Oklahoma City Thunder

Oddsshark