25/02/2020 - 12h28

Beal iguala marca de Kobe ao fazer mais de 50 pontos em duas noites consecutivas

Ala-armador dos Wizards anotou 53 e 55 pontos, respectivamente, nas duas últimas partidas da equipe

Nesta segunda-feira (24), o Washington Wizards recebeu o Milwaukee Bucks e perdeu por 137 a 134, em jogo decidido na prorrogação. O ala-armador Bradley Beal anotou a maior marca da sua carreira (55 pontos) e igualou o feito de Kobe Bryant, ao conseguir mais de 50 pontos em duas noites seguidas.

No jogo anterior da equipe, na derrota para o Chicago Bulls, por 126 a 117, disputado no último domingo (23), Beal conseguiu obter a maior pontuação da carreira até então, ao fazer 53. Uma noite depois o jogador conseguiu superar por dois pontos essa marca e repetir o feito de Kobe.

“Eu estava me divertindo. Acho que foi o jogo mais divertido que já joguei em toda a minha carreira”, declarou Bradley após o confronto diante dos Bulls.

E justamente no dia em que Kobe foi homenageado, Beal conseguiu igualar o feito do jogador do Los Angeles Lakers, que nos dias 22 e 23 de março de 2007, fez 60 e 50 pontos, respectivamente, contra Memphis Grizzlies e New Orleans Hornets. Bryant já vinha de dois jogos antes de pelo menos 50 pontos.

“Meu, isso é uma loucura. Com toda a cerimônia desta segunda e as lágrimas de todos, era justamente algo como isso que Kobe gostaria de ver”, comentou Beal.

A única diferença entre os recordes é que na época o time dos Lakers venceu os quatro jogos em que Kobe conseguiu atingir 50 pontos. Até o momento, os Wizards acumulam duas derrotas.

Com isso, Bradley Beal se junta a Wilt Chamberlain, Devin Booker e James Harden, outros que, também, fizeram mais de 50 pontos em dois jogos seguidos e perderam ambos os confrontos.

Outro recorde batido por Beal foi dentro da própria franquia, se tornando o primeiro atleta a fazer mais de 50 pontos em partidas consecutivas. Até então, o detentor da marca era Michael Jordan, que havia feito em duas partidas seguidas mais de 45 pontos com a camisa dos Wizards.

Foto: (Divulgação/ Instagram)

Oddsshark