29/05/2019 - 22h34

Yankees batem Padres no retorno de James Paxton

Home runs e bom desempenho dos arremessadores garantiram vitória dos Yankees

Está difícil, muito difícil, segurar o New York Yankees (36-19). Mesmo com muitas lesões, que forçam o manager Aaron Boone a mexer no lineup praticamente todo dia, os Bronx Bombers seguem na liderança da Divisão Leste da Liga Americana e, nesta quarta-feira (29), emendaram nova vitória, desta vez por 7 a 0 sobre o San Diego Padres (29-27), em duelo no Yankee Stadium que marcou o retorno de James Paxton à rotação titular dos donos da casa.

Ausente desde o início do mês por conta de uma lesão no joelho esquerdo, Paxton começou o jogo com tudo, emendando dois strikeouts sobre Wil Myers e Franmil Reyes e livrando-se de maiores problemas (um walk para Manny Machado) ao forçar o lineout de Eric Hosmer para fechar a parte alta da 1ª entrada. A mesma competência não teve Chris Paddack, um dos bons nomes dos Padres neste início de 2019: o arremessador cedeu dois home runs em sequência para os primeiros rebatedores dos Yankees, um para DJ LeMahieu e outro para Luke Voit, o 14º do infielder/rebatedor designado na temporada.

A diferença chegou a 3 a 0 na parcial seguinte, consequência de outra bola longa, esta rebatida por Gio Urshela para o campo esquerdo, seu terceiro jonrón no ano. Do outro lado, os visitantes continuavam com dificuldades para vencer os duelos contra Paxton, que seguia encarrilhando strikeouts. Boone decidiu pela segurança com um dos principais nomes da rotação, e retirou o canadense após apenas quatro entradas, 66 arremessos e ótimos números (nenhuma rebatida, duas bases por bolas e 7 K’s).

Paddack seguia em campo e, após dois bons innings, voltou a enfrentar problemas na 5ª entrada, com os donos da casa anotando novamente no sacrifice fly de Brett Gardner para impulsionar LeMahieu. O titular dos Padres foi retirado ao final da parcial, cedendo no total quatro corridas merecidas, seis rebatidas e um walk em cinco innings, com seis strikeouts. Apesar da boa vantagem, o ataque dos Bronx Bombers seguia animado e outra corrida veio no turno seguinte, com Cameron Maybin cruzando o home plate no erro defensivo do catcher Austin Hedges.

O bullpen dos Yankees manteve o ótimo nível apresentado por Paxton, tornando-se quase inatingível (foram apenas quatro rebatidas em toda a partida, três simples e a dupla do pinch-hitter Austin Allen), e o mesmo não ocorreu no lado oposto: na sétima entrada, Gleyber Torres venceu o duelo contra Adam Warren, ex-arremessador da franquia de Nova York, isolando a bolinha para o campo esquerdo com Voit em base e dando números finais ao placar e garantindo a festa no Bronx.

Crédito das imagens: Reprodução/Twitter New York Yankees

Oddsshark