17/03/2020 - 21h01

New York Yankees tem segundo caso de coronavírus

O New York Yankees anunciou que confirmou o segundo de caso de coronavírus na organização

A equipe do New York Yankees disse aos seus jogadores de ligas menores que há mais um caso de coronavírus na organização, nesta terça-feira (17). O jogador estava em auto-quarentena e disse aos médicos da equipe que estava com febre alta e muita fadiga. O teste foi feito no domingo e ele voltou a fazer quarentena. Os sintomas se dissiparam nas últimas 48 horas.

Os Yankees agora têm dois jogadores de ligas menores que testaram positivo para o COVID-19. O primeiro havia passado tempo apenas na parte de ligas menores das instalações da equipe no Spring Training.

Os Yankees foram uma das equipes que haviam optado por permanecer concentrados durante o surto do coronavírus. No entanto, nesta terça-feira, o técnico Aaron Boone saiu das instalações da equipe em Tampa e disse que estava se dirigindo para sua casa em Greenwich, no estado de Connecticut.

“De novo, está parecendo que está começando a ficar cada vez mais próximo de todos nós,” disse o arremessador J.A. Happ para a repórter da ESPN americana Marly Rivera. “Então a gente tá se preparando e vendo como sermos espertos além de acompanhar as notícias.”

Nesta segunda (16) a liga anunciou que o Opening Day será adiado até, pelo menos, o meio de maio.

“A recomendação do sindicato é de todos irem para onde fiquem confortáveis nas próximas 4-6 semanas. Seja em casa, ou na concentração. Eu sei que muitos aqui não vão pra Nova York por conta de como o vírus está se espalhando,” disse Zack Britton. Britton é o representante da equipe na união.

(Foto: Facebook/New York York Yankees)

Oddsshark