17/04/2019 - 00h41

New York Yankees devasta Boston Red Sox por 8 a 0 no primeiro encontro em 2019

Em primeiro clássico do ano, Yankees dominam no ataque e na defesa e afundam rival em crise

No primeiro Rivalry Red Sox-Yankees oficial de 2019 deu New York Yankees (7v-9d) de forma arrasadora. Jogando no Bronx a equipe da casa decretou um 8 a 0 no placar, contra Chris Sale e o atual campeão da MLB. A derrota ainda agravou o mau momento do Boston Red Sox, que venceu apenas seis jogos e de 18 nesta temporada.

O placar começou a ser construído no famoso small ball – tentadas rebatidas simples que impulsionam jogadores até as bases e vão construindo o placar. Na 3ª entrada, DJ LeMahieu, com uma rebatida para o canto direito, abriu caminho para Brett Gardner inaugurar o marcador. Na sequência, Luke Voit fez o mesmo para LeMahieu.

Na 4ª entrada, as armas utilizadas foram mais robustas. Clint Frazier, com seu quarto home run na temporada (solo), deu mais vantagem aos mandantes. Mais adiante, Mike Tauchman, numa rebatida considerada dupla, chegou à terceira base após Austin Romine avançar até o home plate.

Até então o arremessador dos Red Sox era o ace Chris Sale (D, 0-4), um dos grandes destaque dos últimos anos da MLB, e sete vezes consecutivas All-Star entre 2012 e 2018; mas assim como sua equipe, ele vem tendo um início de temporada bem árduo. E acabou substituído ao final da 5ª entrada, com um monte de corridas na conta.

Mas a mudança não surtiu efeito. Erasmo Ramirez entrou, e não demorou para que os Yanks pontuassem com Mike Tauchman mandando a bolinha por sobre o muro e anotar mais três corridas para a equipe novaiorquina.

No 7º inning o castigo foi aumentado. Gleyber Torres fechou a conta ofensiva com mais um homer, desta vez solo; e o Yankee Stadium foi tomado por euforia.

No montinho dos Bombers, James Paxton (V, 2-2) destilava seu diversificado arsenal de arremessos até o final da penúltima entrada. Foram 12 strikeouts, apenas duas rebatidas cedidas e um walk. Numa memorável e dominante atuação do canadense apelidado de Big Maple – em referência à planta característica de seu país, com suas grandes atuações a partir de 2017.

Joe Harvey veio para a “nona” com a missão apenas de finalizar o já arrasado Red Sox, e não demorou muito para conseguir uma eliminação por bola rasteira e duas por bolas altas, finalizando o primeiro clássico de 2019 com um massacre. Mas os Yankees também precisam de mais regularidade neste início e jogos como este.

As equipes voltam a se enfrentar nesta quarta-feira às 19h35 (horário de Brasília). Pelos Red Sox, Nathan Eovaldi (0v-0d), ex-Yankees, tentará sua primeira vitória após iniciar pessimamente três jogos este ano e melhorar seu esdrúxulo ERA de 8.40.

Pelo Yankees, J.A. Happ (0v-2d) numa situação ainda pior, com ERA 8.76, tentará reverter suas más atuações para afundar ainda mais o eterno rival.

Imagem: Reprodução/Twitter/Yankees

Oddsshark