09/07/2019 - 00h23

Jonathan Lucroy sofre concussão em choque no home plate

Jonathan Lucroy teve concussão e fratura no nariz após dura jogada

Um dia após a forte colisão no home plate com Jake Marisnick, que tentava anotar a corrida do desempate após um sacrifice fly, o catcher Jonathan Lucroy, do Los Angeles Astros, revelou o alcance dos problemas físicos originados pelo choque com o outfielder do Houston Astros. O catcher confirmou, em uma mensagem enviada à reportagem da ESPN norte-americana, que quebrou o nariz e sofreu uma concussão na jogada, apontando ainda a saída do hospital em Houston nesta segunda-feira (8).

Não há qualquer estimativa de volta aos gramados, até porque Lucroy deve esperar o inchaço no rosto diminuir para visitar um otorrinolaringologista e analisar a extensão da fratura de nariz, algo que não deve ocorrer antes do fim da pausa para o All-Star Game, que ocorrerá nesta terça-feira (9) em Cleveland. Enquanto o veterano de 33 anos estiver afastado, Dustin Garneau deve revezar-se atrás do home plate com Jose Briceno, outro catcher saudável no 40-man roster com Kevan Smith na lista de contundidos.

A jogada motivou muitas discussões, com Brad Ausmus, técnico dos Angels, defendendo logo após o jogo a suspensão de Marisnick. “Não pareceu uma jogada limpa. Eu não sei o que ocorreu de fato, mas pareceu que Marisnick deu um passo para a esquerda e trombou nele com o braço erguido. Lucroy recebeu o apoio de um companheiro de posição, o experiente Yadier Molina, do St. Louis Cardinals, que criticou a jogada em um post no Instagram. “A MLB precisa agir em relação à jogada suja “, escreveu o porto-riquenho.

A liga não manifestou-se e, com os principais jogadores reunidos em Ohio para o All-Star Game, jogadores dos Astros defenderam Marisnick, que imediatamente após o lance, ajoelhou-se e ficou ao lado do catcher adversário, parecendo abalado com o lance. O outfielder George Springer foi um dos que apoiou seu colega de time. “Foi um lance difícil, uma situação difícil. Conheço bem Jake. É um ótimo companheiro, ótima pessoa. Sei que ele não faria nada intencional para ferir alguém”, garantiu ele.

Na contramão da opinião de Springer, e sem questionar o jogador dos Astros, Mike Trout, outfielder dos Angels e favorito ao título de MVP da Liga Americana, falou sobre a jogada. “Se Yadi falou algo sobre isso, ele provavelmente está certo. Ele é um catcher. Muitas coisas ocorrem em alta velocidade, e você é forçado a tomar uma decisão em uma fração de segundo. Eu não vi o replay, e não quero ver. Eu vi como Lucroy estava”, resumiu o astro.

Crédito das imagens: Reprodução/MLB.com

Oddsshark