30/01/2020 - 20h25

Franquias da MLB podem ter até 13 pitchers no elenco

MLB define regras para quantidade de arremessadores com expansão dos elencos

Em recuperação, Shohei Ohtani é liberado para voltar a arremessarParece mais uma confirmação formal do que uma grande novidade para as 30 franquias da Major League Baseball, mas ainda assim, é o que deve ser seguido: como detalhe adicional da expansão dos rosters durante a temporada regular de 25 para 26 jogadores (até 31 de agosto), a MLB limitará a quantidade de arremessadores em cada elenco a 13, o que significa que os 30 times devem incluir outros 13 defensores/rebatedores caso queiram manter a maior quantidade possível de jogadores à disposição dos managers.

A divisão 50/50 do elenco já era prevista quando a expansão dos rosters foi anunciada, mas a MLB havia admitido a possibilidade de negociar esse número, eventualmente chegando a 14 arremessadores e 12 rebatedores. Com o limite em 13 pitchers, franquias que adotavam o modelo mais ‘tradicional’, com cinco rebatedores no banco, podem incluir um oitavo arremessador no bullpen ou um sexto homem na rotação, enquanto quem adotava um ‘short bench’, com três ou quatro jogadores, ganhará uma nova arma ofensiva.

A única exceção levantada pela MLB, de acordo com o relato de Jayson Stark, do The Athletic, é para o caso de rodadas duplas decorrentes de questões meteorológicas. Em tais situações, as franquias podem convocar mais um jogador, e o 27º atleta pode ser um arremessador. Ao longo de setembro, os elencos novamente serão ampliados mas, em vez do limite anterior de 40 beisebolistas, as 30 franquias podem levar 28 atletas para cada partida.

Outras restrições também foram adotadas, o que pode tornar o jogo mais rápido e alterar a tática utilizada por cada manager: arremessadores terão de enfrentar ao menos três rebatedores (exceto em caso de contusões ou se o pitcher encerar a parte alta/baixa da entrada). Além disso, rebatedores não podem subir ao montinho, exceto se classificados como ‘two-way players’, caso de Shohei Ohtani, se o jogo for para entradas extras ou se a diferença entre os times superar seis corridas.

Crédito das imagens: Divulgação/MLB e Reprodução/Facebook Los Angeles Angels 

Oddsshark