25/06/2019 - 10h18

Em noite de recorde e importantes marcas, Yankees derrotam Blue Jays

Bronx Bombers chegam ao 27º jogo seguido batendo pelo menos um home run, igualando o Texas Rangers de 2002

Nesta segunda-feira (24), o New York Yankees (50-28) recebeu o Toronto Blue Jays (29-50) no Yankee Stadium. Não foi apenas a vitória por 10 a 8 (a nona em dez jogos) que fez os 37.204 torcedores vibrarem na maior cidade estadunidense. Pela 27ª partida consecutiva, os Yankees bateram um home run e ganharam um lugar na história da Major League Baseball, empatando com o Texas Rangers, de 2002. Além disso, a noite reservou o primeiro jonrón de Giancarlo Stanton na temporada e o primeiro jogo de DJ LeMahieu com quatro rebatidas válidas vestindo a camisa listrada de New York.

Após a partida, o técnico dos Yankees, Aaron Boone, comentou acerca do recorde estabelecido na noite: “Isso que aconteceu com o nosso grupo, não me surpreende. Temos muitos jogadores capazes de bater a bola fora do campo. Acho que eles ajudam a fortalecer um ao outro porque, coletivamente, são capazes de desgastar os arremessadores. Isso acaba levando a mais e mais erros em diferentes pontos da noite”.

Além da grande performance ofensiva, os Yankees também encontraram solidez com seu arremessador, CC Sabathia (V 5-4, ERA 4.04). Ele arremessou por 6 entradas, tendo cedido 6 rebatidas, 2 corridas e 2 walks, eliminando, porém, 9 rebatedores por strikeout. O save da noite ficou a cargo de Aroldis Chapman.

Pelo lado dos canadenses, Aaron Sanchez (D 3-10, ERA 5.89) subiu ao montinho. Ficou por lá durante 5.1 entradas. Permitiu 9 rebatidas, 7 corridas merecidas e 3 walks. Em contrapartida, anotou 4 strikeouts.

Os Blue Jays abriram o placar logo na primeira entrada. Vladimir Guerrero Jr. rebateu um double e impulsionou o run de Eric Sogard (0 a 1). Ainda no mesmo inning, Rowdy Tellez, com mais um double, abriu livre caminho para Guerrero Jr. chegar ao home plate (0 a 2).

Na quinta entrada, veio a virada dos nova-iorquinos. Vendo a bolinha pendurada no meio da zona de strike e com dois jogadores em base, Aaron Hicks mandou um pombo sem asas em direção ao campo direito, igualando o recorde de home runs em partidas consecutivas dos Rangers e virando a partida (3 a 2).

A sexta entrada reservou um massacre dos Yankees. Gio Urshela (rebatida simples, corrida de Didi Gregorius), Brett Gardner (eliminação por forceout, corrida de Gleyber Torres), Luke Voit (rebatida dupla, runs de Gardner e LeMahieu) e Stanton (home run, impulsionando Voit e Hicks) colocaram um 10 a 2 no placar para delírio dos milhares de torcedores presentes no Yankee Stadium.

Mas, Toronto reagiu. Na oitava entrada, Lourdes Guerriel Jr. rebateu um home run para além dos muros do campo centro-esquerdo (10 a 3). E, com as bases lotadas, Freddy Galvis pôs fogo no jogo ao rebater um grand slam (10 a 7). Ainda houve tempo para a corrida de Randal Grichuk, após rebatida de sacrifício de Tellez (10 a 8). Todavia, nada foi suficiente para estragar a festa dos donos da casa e seu recorde.

As duas equipes voltam a se enfrentar nesta terça-feira (25), às 20h05 (horário de Brasília), quando Clayton Richard terá a missão inicial de conter o lineup dos Yankees, que estará sedento pelo recorde exclusivo de home runs em partidas consecutivas.

Confira os resultados desta segunda-feira (24/06) na MLB:

New York Mets 7 @ 10 Philadelphia Phillies
Chicago White Sox 5 @ 6 Boston Red Sox
Kansas City Royals 2 @ 3 Cleveland Indians F/10
Atlanta Braves 3 @ 8 Chicago Cubs
Los Angeles Dodgers 5 @ 8 Arizona Diamondbacks
Colorado Rockies 2 @ 0 San Francisco Giants
Toronto Blue Jays 8 @ 10 New York Yankees

Foto: Reprodução Twitter/New York Yankees

Oddsshark