13/04/2020 - 11h25

Cole Hamels aceitaria ficar longe da família para jogar beisebol em 2020

Pitcher veterano aceitaria jogar sem torcida e em local único para que a temporada da MLB ocorra em 2020

Seguem as dúvidas e opiniões sobre o futuro do beisebol em 2020. Entre elas está a de Cole Hammels, novo arremessador do Atlanta Braves, que sinalizou que poderia se isolar da família neste ano se isso ajudar a fazer a temporada da MLB acontecer. O começo da liga foi adiado em função da pandemia do coronavírus.

Há uma variedade de propostas para que a temporada das grandes ligas ocorra. Uma delas seria concentrar o campeonato em sedes únicas, como Arizona e Flórida. Cole parece disposto a realizar esse sacrifício para jogar sua 15ª temporada no mais alto nível profissional.

“Será um momento em que teremos que nos sacrificar e começar a treinar e jogar talvez em algum lugar onde (a família) talvez não possa nos assistir”, disse Hamels durante uma entrevista a Jeff Francoeur, do Fox Sports South. “Mas se eles puderem nos assistir pela TV, então assim será”, continuou.

As ideias de “salvar” a temporada da MLB variam entre isolar os jogadores e talvez dividir a liga em divisões realinhadas, com base nos locais de Spring Training. Na maioria dos cenários, os playoffs seriam estendidos até o final do ano. Tudo isso ainda é algo incerto dado o avanço da pandemia de COVID-19 nos Estados Unidos, país mais afetado do planeta.

Hamels usou o argumento de manter o interesse dos torcedores como um dos motivos para se jogar neste ano. Por enquanto o cenário mais provável é que quando os jogos voltem, seja com portões fechados. O jogador de 36 anos acha que simplesmente fazer as partidas ajudará as pessoas a ter interesse em ir aos estádios, quando eles puderem voltar a acompanhar presencialmente.

“Se sacrificarmos um mês aqui ou ali, serão 30 jogos, mas se pudermos oferecer aos fãs mais 140 jogos, eles terão oportunidades de nos assistir e talvez uma pós-temporada um pouco mais longa. Eu acho que isso daria um impulso inicial e deixaria os fãs um pouco mais empolgados com o beisebol”, finalizou o veterano.

Foto: Reprodução Twitter/Chicago Cubs

Oddsshark