15/05/2018 - 19h38

Predators vão buscar manter o elenco para 2018-2019

David Poile, GM dos Predators, diz planejar poucas mudanças no elenco para a próxima temporada

Após a derrota para o Winnipeg Jets na semifinal do Oeste da NHL, o Nashville Predators já começou a pensar na próxima temporada. No final de semana, o GM David Poile e o treinador Peter Laviolette tiveram algumas reuniões com o elenco e ouviram praticamente a mesma coisa: todos querem voltar para tentar conquistar a primeira Stanley Cup da franquia.

“A maioria dos jogadores disse para nós que acreditam muito em nosso time. Eles amaram o elenco, estar em Nashville, nossa química. Para bom entendedor, a mensagem foi clara: não queremos ver muitas mudanças por aqui.”, disse Poile. Os Predators conquistaram o troféu Presidente, dado ao time com mais pontos ao fim da temporada regular, com incríveis 117 e também levaram o título da divisão Central, ambos pela primeira vez na história.

Apesar da vontade dos jogadores, comissão técnica e direção, algumas mudanças serão feitas e já forma divulgadas pelo GM. Scott Hartnell não terá seu contrato renovado. O veterano de 36 anos marcou 13 gols e 11 assistências em 62 jogos e deve se aposentar, junto com Mike Fisher, que anunciou que pendurou os patins ao fim da série contra os Jets. Poile disse que o defensor Alexei Emelin também não deve ter seu contrato renovado.

Quando o assunto é Ryan Ellis, a conversa muda. O jogador de 27 anos vai entrar no último ano de seu contrato a partir de primeiro de julho, podendo assim assinar uma renovação, que é vontade do atleta e do clube. “Eu amo isso aqui. Minha noiva também adora Nashville. Se depender somente da minha vontade, gostaria muito de terminar a carreira com os Predators.”, disse Ellis, que soma 396 jogos na NHL, com 55 gols e 118 assistências, todos eles com a camisa número 4 dos Predators.

Dois jogadores lesionados devem retornar sem problemas antes da pré-temporada, em setembro. Calle Jarnkrok machucou seu ombro em março e jogou os playoffs no sacrifício, mas não deve passar por cirurgia. Já Ryan Hartman, também com uma contusão no ombro, fará uma operação e deve demorar de 4 a 5 meses em recuperação.

Fotos: Divulgação NHL.com

Oddsshark