07/12/2017 - 02h05

Em partida emocionante, Maple Leafs vencem Flames

Frederik Andersen se consagra e Leafs vencem a batalha canadense contra a equipe de Calgary

O Toronto Maple Leafs teve uma grande partida, nesta quarta-feira (07), quando enfrentou o Calgary Flames, no Air Canadá Centre e vencer nos shootout por 2 a 1. O goleiro Frederik Andersen foi o grande nome do jogo, defendendo 47 dos 48 chutes disparados em seu gol.

Morgan Rielly, também se destacou ao marcar no segundo período, o gol de empate dos Leafs. Mike Smith foi o nome do jogo para a franquia de Calgary, evitando as boas oportunidades do Maple Leafs e defendendo 28 dos 29 chutes disparados em sua direção.

O JOGO

O primeiro período teve um equilíbrio muito bom, também em decorrência de algumas penalidades que aconteceram nesta etapa e os Flames souberam aproveitar melhor a oportunidade. Mark Giordano “penteou” muito bem o puck na zona baixa de sua linha ofensiva e em um disparo muito forte, encontrou o canto esquerdo de Frederik Andersen aberto para anotar o primeiro gol.

Mike Smith teve algum trabalho na primeira etapa, mas não tanto como no segundo período de jogo, fazendo grandes defesas. Quando em um momento que parecia tranquilo, Smith acabou sendo enganado pelo puck, lance que acabou deixando o goleiro fora de posicionamento, assim gerando o empate dos Maple Leafs com o defensor Morgan Rielly.

Esse período em questão foi dominado ofensivamente pela franquia de Toronto, ficando pouco mais de treze minutos com a posse do puck. A partida começou a pegar fogo com pouco menos de um minuto para acabar o tempo, quando Matthew Tkachuk, que já havia acertado o goleiro Andersen em dois lances, sofreu um Cross checking de Jake Gardiner, ascendendo a chama do Air Canada Centre.

Como não poderia deixar de faltar em uma grande rivalidade, a última etapa foi marcada pelas “tretas” dentro do gelo, com muitos hits fortes e jogadas mais assíduas por ambas as partes. Calgary conseguiu dar muito trabalho ao goleiro dinamarquês, que garantia 42 defesas na sua conta, levando o jogo para ser decidido no três contra três.

O overtime trouxe mais emoção ainda, pois logo no começo, tanto Johnny Gaudreau quanto Auston Matthews tiveram boas oportunidades para anotar o gol da vitória, mas os goleiros estavam inspirados e levaram a partida para o shootout.

Neste momento, a estrela de Andersen brilhou mais do que no tempo regulamentar, defendendo os chutes de Gaudreau, Monahan e Mikael Berglund e dando a vitória para os visitantes. Quem anotou o penalty shot para dar a vitória ao Toronto Maple Leafs foi o atacante William Nylander, com um belo drible em cima de Smith.

(Crédito na foto: Reprodução/Twitter Oficial do Toronto Maple Leafs)

Rivalo Apostas Esportivas