10/02/2019 - 11h59

Cinco jogadores diferentes marcam e Lightning vence Penguins em casa

Grande desempenho coletivo ajudou a equipe de Tampa a conquistar uma grande vitória e manter sua superioridade na NHL

Melhor equipe da NHL no momento, o Tampa Bay Lightning recebeu o Pittsburgh Penguins na Amalie Arena em Tampa, e conquistou uma grande vitória com direito a um excelente desempenho coletivo no placar de 5 a 4. O Lightning contou com cinco gols de cinco jogadores diferentes para conseguir superar as duas reações que os visitantes e segurar o triunfo que os mantém com uma excelente vantagem em cima do Toronto Maple Leafs na divisão do Atlântico. Já os Penguins ocupam a segunda vaga de wild card no momento, ficando um ponto a frente do Carolina Hurricanes na disputa por esta vaga nos playoffs.

O primeiro período não deixou a desejar, com as duas equipes tendo um grande fluxo ofensivo e os goleiros tendo trabalho cedo. O placar só seria aberto no meio do período, quando os Penguins puxaram o contra ataque com Teddy Blueger, que deu um belo passe para o primeiro gol da carreira de Garrett Wilson na NHL. A alegria durou pouco, já que o Lightning viraria dois minutos depois. Primeiro, Brayden Point e Yanni Gourde combinaram para um tento finalizado por Gourde, num lindo breakaway, e, poucos segundos depois, Erik Cernak contou com um desvio de Patric Hornqvist no seu chute da linha azul para marcar novamente.

Muita coisa mudou no segundo período em relação ao primeiro, principalmente a velocidade das duas equipes, e Pittsburgh se aproveitou disso para tomar controle das ações, ganhando um power play, que acabou sendo aproveitado pelo Lightning. Anthony Cirelli roubou o disco e partiu junto com Alex Killorn para o breakaway. Ele mesmo foi agressivo para cima do goleiro Casey DeSmith para conseguir marcar um gol na desvantagem numérica. Os Penguins não se deixaram afetar, e continuaram melhores no período, diminuindo a vantagem com um belo gol num chute cruzado de Jared McCann.

Faltando pouco menos de cinco minutos para o fim do período, os Penguins conseguiram o empate após jogada individual de Jake Guentzel, que dançou atrás do gol e tentou marcar, mas acabou virando um passe para Bryan Rust embaixo da trave, que não desperdiçou, completando a reação de Pittsburgh.

Na última parte, o Lightning conseguiu amarrar os visitantes após ter passado a frente no placar, que aconteceu numa linda jogada coletiva entre Steven Stamkos, Ondrej Palat e Tyler Johnson. Johnson, mesmo bem marcado, conseguiu o gol que colocaria os donos da casa a frente no placar novamente.

Daí em diante, a partida ficou mais física e sem muitas chances de gol, e quem se aproveitou disso foi o Lightning, que aumentou sua vantagem no final do jogo com J.T. Miller, num belo chute no alto do goleiro. Os Penguins até tentaram mais uma reação quando Tanner Pearson aproveitou o passe de Sidney Crosby, mandando de primeira para diminuir a vantagem, mas não foi suficiente e Tampa saiu com a vitória.

FT: Tampa Bay Lightning 5-4 Pittsburgh Penguins

O Lightning volta para o gelo hoje (Domingo, 10) para enfrentar o Florida Panthers fora de casa, enquanto os Penguins têm um clássico contra o Philadelphia Flyers também fora de casa na segunda-feira (11).

(Foto: Site NHL)

Oddsshark