18/09/2018 - 19h55

Pittsburgh Steelers confirma ausência de Antonio Brown em treino

Agente do wide receiver afirmou que atleta teve problemas pessoais na última segunda-feira (17)

Steelers vencem Dolphins nos Playoffs da NFLComeçar a temporada com um empate contra o Cleveland Browns e uma derrota, em casa, contra o Kansas City Chiefs não são os únicos problemas do Pittsburgh Steelers. Um dia após perder o jogo em seu estádio, o wide receiver Antonio Brown não se reapresentou ao time nas dependências da franquia, nesta segunda-feira (17).

O caso se sucede após uma série de eventos negativos, tanto para os Steelers quanto para Brown, que teve 67 jardas em nove recepções e nenhum touchdown na partida contra os Chiefs.

A franquia de Pittsburgh enfrenta uma difícil negociação contratual com seu running back principal Le’Veon Bell. Enquanto o atleta pede o melhor contrato de sua posição, os Steelers apenas renovam automaticamente seu acordo via franchise tag, sem margem de negociação com o jogador para maiores valores ou tempo contratual.

À medida que Bell se recusa a entrar em campo pela franquia, outros atletas vão encontrando problemas para se comportar nas redes sociais. Ao ser questionado no Twitter por um torcedor onde estava em campo no último domingo (16), o linebacker Bud Dupree, que teve apenas dois tackles, afirmou, via mensagem direta na rede social, que estava transando com a namorada do fã durante o jogo. O defensor ainda destacou que isto seria algo que o torcedor deveria estar fazendo.

Já na segunda, foi a vez de Brown ir até o Twitter e causar polêmica. O jogador foi confrontado por um ex-funcionário dos Steelers na rede social, que afirmou que os bons números do wide receiver só seriam possíveis pela parceria com o quarterback Ben Roethlisberger. Brown respondeu “me troque e veremos”.

O agente do wide receiver, Drew Rosenhaus, tratou de jogar panos quentes na situação e disse que não há qualquer intenção de forçar uma eventual troca de time por parte de Brown. “O tweet de ontem não foi uma referência a nada a não ser Antonio respondendo uma pessoa que ele conhece. Não foi direcionado a uma troca ou esperança de uma troca. De forma alguma ele estava pedindo uma troca fora de alcance”, disse Rosenhaus.

Ainda segundo Adam Schefter, da ESPN americana, Rosenhaus explicou também a ausência no treino da última segunda-feira. “Antonio teve um problema pessoal. Eu conversei com o time sobre isto. O seu problema não tem relação com o tweet ou sua relação com o time”, concluiu o agente de Brown.

Esse não foi o único problema do jogador no Twitter. No final da última semana Brown ameaçou um jornalista da ESPN americana que o acusou de passar muito tempo nas redes sociais e disse que ele tem “um comportamento de diva” e é um “profissional do Instagram”. O wide receiver, então, respondeu “espere eu te ver, mano. Nós veremos como sua mandíbula se parece”. Posteriormente, Brown apagou o tweet e pediu desculpas ao jornalista.

Todas estas situações recentes, além do começo difícil de temporada, fazem com que a imprensa americana comece a questionar a legitimidade e controle que o head coach Mike Tomlin tenha em seu vestiário.

Em artigo do jornalista Mike Freeman, do site Bleacher Report, um assistente da NFC South comparou os Steelers com um circo. “É um circo lá e Mike não tem controle sobre. Ele é um dos melhores treinadores da minha geração, mas os jogadores possuem muito controle lá”.

James Harrison, ex-jogador dos Steelers, destacou em entrevista recente a diferença da postura no New England Patriots em comparação com a franquia de Pittsburgh. “Mike Tomlin é bom como head coach. Ele é um treinador dos jogadores. Eu acho que ele precisa ser um pouquinho mais disciplinado. A grande coisa com Belichick é que ele é bem regimentado, ele é disciplinado, todos estarão na mesma página”.

Em meio a todo esse caos construído por resultados, jogadores e mídia, os Steelers correm atrás do prejuízo na próxima segunda-feira (24) contra o invicto Tampa Bay Buccaneers, fora de casa, no Raymond James Stadium. A franquia de Pittsburgh viaja até a Florida em busca da sua primeira vitória na temporada.

(Foto: Justin K. Aller/Getty Images)

Oddsshark