21/03/2019 - 18h18

Será que os Cardinals vão trocar Josh Rosen? Redskins aparecem como mais provável destino para o quarterback

Com os rumores de que Arizona vai buscar Kyler Murray no Draft, as casas de aposta cogitam uma possível troca de Rosen

A cada dia que passa, está mais evidente o que o Arizona Cardinals vai fazer com a primeira escolha do próximo Draft: são vários rumores de que a franquia vai iniciar a nova era Kliff Kingsbury escolhendo Kyler Murray – vencedor do último Troféu Heisman. O problema é que a franquia já havia buscado o seu ‘quarterback do futuro’ no ano passado – quando utilizou a 10ª escolha geral do Draft 2018 com Josh Rosen. Será mesmo que Arizona vai virar a página e negociar o garoto recém-chegado?

Os rumores de uma possível troca de Rosen são tantos que as casas de aposta já estão projetando possíveis destinos para o QB ex-UCLA. Dentre os times mais cotados, o Washington Redskins aparece no topo da lista como principal candidato: se Rosen desembarcar em DC você recebe R$4 a cada real investido segundo os odds de NFL do Oddsshark.com. Conheça um pouco mais do jogador e veja a lista dos principais candidatos a contar com ele no elenco em 2019.

Foto: Reprodução Site Oficial / Arizona Cardinals

A troca de Josh Rosen é inevitável?

Quando fizemos aqui o primeiro texto sobre as apostas no Draft 2019, parecia uma total maluquice os Cardinals draftarem Kyler Murray, afinal, já havia um jovem e talentoso QB no elenco. Na época, começava uma certa fumaça de que o técnico Kliff Kingsbury gostaria de contar com o vencedor do Troféu Heisman – o que foi considerado uma baita de uma loucura.

Aos poucos, a fumaça foi se transformando em uma bela de uma fogueira. A situação atual é a seguinte: a dúvida não é se Josh Rosen será trocado, mas sim quando e por qual valor.

Rosen rendeu abaixo do esperado em seu 1º ano na NFL

Após ‘barrar’ Sam Bradford e entrar em campo na semana 3, Josh Rosen foi titular em todos os outros 13 jogos dos Cardinals no ano passado. Mesmo se tratando de um quarterback calouro, os números foram abaixo do esperado: 2.278 jardas, 11 TDs, 14 INTs e uma porcentagem muito baixa de passes completados: 55,2%.

A grande questão aqui é: o que funcionava naquele lamentável time dos Cardinals no ano passado? A incompetência do ataque montado por Steve Wilks era tamanha que sequer conseguia aproveitar os pontos fortes de David Johnson – um dos jogadores mais dinâmicos da liga. A pergunta que fica é: Rosen realmente não tem talento para jogar na NFL ou foi mal aproveitado?

Muitos times interessados nele estão torcendo para ser a segunda opção. Em qual sistema ele se encaixaria melhor? Veja os principais candidatos a contarem com os serviços do QB em 2019 segundo as casas de aposta:

1º Washington Redskins – paga R$4 para 1

Com a possibilidade real de Alex Smith nunca mais pisar em um campo de futebol americano e a presença de veteranos medianos no elenco, está mais do que óbvio que o Washington Redskins está planejando deixar Case Keenum como ponte até que um jovem QB assuma o posto em um futuro próximo. Com esses rumores de que Rosen possa ser trocado, alguns analistas de Draft brincam que o melhor prospecto de 2019 é justamente Josh Rosen.

Na prática, seria uma solução inteligente para os Redskins: traria um QB jovem e promissor para brigar com os dois veteranos no training camp e aliviaria o salary cap da equipe – ainda comprometido com o alto salário de Smith. Ao contrário de Arizona, ele cairia bem no esquema ofensivo de Jay Gruden e teria várias armas para mostrar o seu talento.

2º Miami Dolphins – paga R$6 para 1

Assim como a chegada de Keenum em Washington, a contratação de Ryan Fitzpatrick deixa claro que os Dolphins vão utilizá-lo de ‘tampão’ até que um jovem QB possa assumir a titularidade por muitos e muitos anos. Será que Josh Rosen pode ser esse nome? O mais provável é que os Dolphins levem a temporada 2019 na barriga e busquem o QB do futuro na classe de 2020 – muito mais promissora do que a atual.

3º New York Giants – paga R$7 para 1

Essa é outra possibilidade muito comentada nos bastidores – até por ser uma questão estratégica dos Giants. Vamos dizer que os Blues troquem Josh Rosen com os Cardinals por uma escolha de segunda rodada.

Por um custo relativamente baixo, eles trazem um bom talento para ser o sucessor de Eli Manning e praticamente ‘obrigam’ Arizona a utilizar a primeira escolha geral com Murray. Com isso praticamente definido, os Giants passariam a ser os ‘donos’ do próximo Draft com a 2ª escolha geral. Muito interessante.

Equipes que podem fazer uma troca com os Cardinals por Josh Rosen segundo o Oddsshark.com:

1. Washington Redskins – paga R$ 4 para 1
2. Miami Dolphins – paga R$ 6 para 1
3. New York Giants – paga R$ 7 para 1
4. New England Patriots – paga R$ 7 para 1
5. Oakland Raiders – paga R$ 9 para 1
6. Cincinnati Bengals – paga R$ 13 para 1
7. Denver Broncos – paga R$ 15 para 1
8. Pittsburgh Steelers – paga R$ 15 para 1

Oddsshark