20/01/2019 - 21h32

Rams vencem os Saints na prorrogação e estão no Super Bowl LIII

Com arbitragem polêmica e kicker decisivo, os Rams superaram os Saints no Superdome

A primeira equipe que disputará o Super Bowl LIII foi definida na decisão da Conferência Nacional, neste domingo (20). O Los Angeles Rams venceu o New Orleans Saints, em pleno Superdome, por 26 a 23, no overtime.

A partida foi para prorrogação graças a Greg Zuerlein, e o próprio kicker deu a vitória aos Rams com um chute de 57 jardas. Os torcedores e a franquia de New Orleans reclamaram demais da arbitragem, principalmente por uma falta não marcada no final do jogo.

A primeira posse foi dos Saints. Drew Brees comandou uma boa campanha e, por pouco, não teve o primeiro touchdown, mas o tight end Dan Arnold acabou dropando o passe na end zone. Restou a chance de um field goal de 37 jardas, o qual Wil Lutz converteu sem problemas.

Na primeira chance dos Rams atacarem, a defesa de New Orleans dominou e encerrou o drive com uma interceptação. Depois de fazer um tackle para perda de jardas, o linebacker Demario Davis interceptou Jared Goff após tentativa de passe para Todd Gurley.

A unidade ofensiva dos Saints ficou em ótima posição na red zone, mas acabou não conseguindo nenhum first down e teve que se contentar com mais um field goal de Lutz, dessa vez de 29 jardas.

O ataque de Los Angeles não teve avanços novamente, e Goff parece ter sentido bastante o início da partida e o barulho da torcisa. Enquanto isso, o ataque comandado por Brees seguiu com bons avanços e anotou o primeiro touchdown após belo play action do quarterback que resultou em passe para o tight end Garrett Griffin. O extra point de Lutz foi bom e os Saints abriram 13 a 0 no primeiro quarto.

Se o ataque dos Rams não conseguia produzir, o time de especialistas resolveu ajudar com um fake punt. O punter Johnny Hekker acertou passe para Sam Shields converter uma quarta descida longa. Foi o primeiro passe do chutador em pós-temporada, mas ele já havia acertado quatro na temporada regular.

Mesmo assim o ataque não conseguiu chegar ao touchdown. Todd Gurley teve mais um drop miserável e os Rams tiveram que se contentar com um field goal de 36 jardas chutado por Greg Zuerlein.

A partida ficou equilibrada no segundo quarto e as defesas se sobressaíram. No entanto, nos minutos finais, a franquia de Los Angeles conseguiu boa campanha ofensiva e anotou touchdown com uma corrida de Gurley, e diminuiu a diferença para três pontos após chute extra de Zuerlein.

No segundo quarto quem começou com a posse de bola foi a equipe de LA. Entretanto, a primeira pontuação foi dos Saints, com um touchdown do coringa Taysom Hill, que é o quarterback reserva, mas faz de tudo no time. Ele recebeu um passe curto de Brees e se jogou na end zone. Após o chute extra, a equipe de New Orleans abriu dez pontos de vantagem.

Os Rams não se abateram e conseguiram uma boa sequência de avanços, principalmente com Brandin Cooks. Chegando próximo da linha de gol, Jared Goff encontrou o tight end Tyler Higbee completamente livre para receber o passe, anotar o touchdown e diminuir novamente a diferença para três pontos depois do chute extra convertido.

No início do último quarto os ataques de ambas as equipes sofrem com diversos problemas, principalmente com a pressão feita pelas defesas. Os Rams conseguiram boa campanha, mas foram parados na linha de uma jarda pelos defensores de New Orleans. Sean McVay foi conservador e preferiu chutar com Zuerlein para empatar a partida.

Quando o ataque dos Saints parecia não produzir mais nada, Drew Brees tirou uma big play da cartola e deu vida ao drive de sua equipe. Com um passe de 52 jardas para Ted Ginn Jr., a unidade ofensiva de New Orleans chegou à red zone com menos de dois minutos para o jogo acabar.

Contudo, nas 20 jardas finais do campo, os Saints não conseguiram converter em touchdown. Os donos da casa reclamaram bastante da arbitragem por conta de uma falta não marcada em uma descida decisiva. Lutz chutou um field goal de 31 jardas para colocar New Orleans na vantagem novamente.

NEW ORLEANS, LOUISIANA - JANUARY 20: Johnny Hekker #6 and Greg Zuerlein #4 of the Los Angeles Rams celebrate after kicking the game winning field goal in overtime against the New Orleans Saints in the NFC Championship game at the Mercedes-Benz Superdome on January 20, 2019 in New Orleans, Louisiana. The Los Angeles Rams defeated the New Orleans Saints with a score of 26 to 23Os Rams foram para o ataque com a missão de pelo menos empatar e levar a partida para prorrogação. Goff conseguiu levar o time até o campo ofensivo e deixou Zuerlein na linha de 48 jardas para chutar o field goal. Ele acertou e levou a decisão da NFC para o overtime.

Os Saints começaram atacando na prorrogação. Após quatro jogadas, Brees foi pressionado e lançou a bola totalmente desequilibrado. Ela acabou caindo nas mãos do safety John Johnson: interceptação. O ataque visitante ficou em boa posição, conseguiu bons avanços e tudo ficou novamente nos pés de Zuerlein. Greg “The Leg” acertou de 57 jardas e deu a vaga da Conferência Nacional para o Los Angeles Rams.

Os Rams aguardam o vencedor de Kansas City Chiefs e New England Patriots para conhecer o adversário no Super Bowl LIII, em Atlanta, no dia 3 de fevereiro.

(Fotos: Reprodução Twitter/Rams; Sean Gardner/Getty Images)

Oddsshark