13/02/2018 - 00h51

Kareem Hunt é acusado de agressão durante confusão em hotel

Running back dos Chiefs é suspeito de atacar uma mulher em festa particular em Cleveland

O running back do Kansas City Chiefs Kareem Hunt foi acusado de agredir uma mulher durante uma confusão no hotel onde estava hospedado em Cleveland no último fim de semana, segundo um relatório divulgado pela polícia da cidade nesta terça-feira (12).

De acordo com Courtney Astolfi, do Cleveland.com, Hunt foi acusado por Abigail Ottinger de expulsá-la do apartamento em que o jogador da NFL estava hospedado e depois empurrá-la para que a mesma saísse do hotel onde acontecia uma festa organizada por ele e alguns amigos. Contudo, uma amiga do RB apresentou uma queixa contra Ottinger por ter sido agredida no rosto pela jovem ao pedir que ela se retirasse do local por ser menor.

A moça de 19 anos – a lei americana só considera a maior idade aos 21 – disse à polícia que o camisa 27 a empurrou várias vezes de forma agressiva para que ela fosse embora por volta das 3h45 da madrugada do último sábado (10), mas por conta do conflito de informações entre os envolvidos, Hunt e Ottinger foram declarados como suspeitos em dois relatórios policiais diferentes e individuais.

De acordo com os depoimentos, Kareem Hunt e um grupo de amigos viajavam de bar em bar em um party bus – ônibus modificado para receber festas – nas ruas da cidade de Ohio. Em um desses bares, Ottinger e uma amiga se juntaram ao grupo, que resolveu voltar para o The Metropolitan at the 9 Hotel, no centro de Cleveland.

Ottinger e seu amigo foram convidados a se retirar do quarto quando sua idade foi descoberta e a dupla passou cerca de 30 minutos fora do apartamento de Hunt. A amiga do jogador dos Chiefs foi ao corredor para pedir novamente para que as moças saíssem, e nesse momento, ela disse à polícia que Ottinger a atingiu no rosto.

No entanto, de acordo com o relatório, Abigail Ottinger afirmou que Hunt foi no corredor começou a empurrá-la de forma agressiva, machucando seu joelho e mão, fora causar um arranhão em seu peito.

Kareem Hunt cresceu em Ohio e foi a estrela do ataque de Toledo University – que fica no mesmo estado – antes de se tornar a sensação da temporada 2017 do Kansas City. Ele liderou a liga com 1.327 jardas corridas, fora receber para 455 jardas e 11 touchdowns totais. O RB ainda terminou sua temporada de rookie com uma presença no Pro Bowl.

No entanto, mesmo que Hunt não seja declarado culpado pela polícia, a NFL provavelmente examinará as alegações, assim como foi no caso de Ezekiel Elliott, quando o jogador dos Cowboys foi punido com uma suspensão de seis jogos por violência doméstica na temporada passada, que se deu após uma longa investigação da liga, apesar de nunca ter sido acusado oficialmente do crime.

Ainda de acordo com Astolfi, nenhuma acusação formal foi registrada no caso até as 15h desta segunda-feira (13).

(Foto: Reprodução/Twitter Kansas City Chiefs)

Oddsshark