08/11/2018 - 16h58

‘É apenas mais um jogo’, diz Malcolm Butler sobre reencontro com os Patriots

Nove meses após a saída, Butler minimiza e diz que não encara jogo contra os Patriots como uma chance de se vingar

O Nissan Stadium receberá neste domingo o duelo entre Tennessee Titans vs New England Patriots. Mais do que um simples jogo, que tem ampla vantagem para o time de Tom Brady (7-1 desde 2002), será o reencontro do cornerback Malcolm Butler contra a sua ex-equipe após sua saída durante a offseason e por problemas de relacionamento com o treinador Bill Belichick.

Apesar de toda a atmosfera da partida, o camisa 21 de Tennessee não encara como uma vingança. “É apenas mais um jogo”, disse Butler para Erik Bacharach, do The Tennessean .

A vida do defensor de 28 anos não vem sendo fácil nesta temporada depois de assinar um acordo de cinco anos, no valor de US$ 61, 25 milhões como agente livre. Após ser titular nos primeiros cinco jogos da temporada, Butler perdeu espaço na secundária para Logan Ryan (também ex-Pats) e Adoree’ Jackson, principais nomes do time nas últimas três partidas. Ele é o quarto cornerback com mais jardas cedidas na temporada (618) e sete touchdowns, de acordo com o Pro Football Focus.

Embora esteja em dificuldades, o técnico Mike Vrabel confirmou nesta quarta-feira que o herói do Super Bowl XLIL fará parte da equipe de rotação que irá compor a secundária da franquia de Nashville.

“É apenas um jogo. Eu sei que costumava jogar por New England e tudo isso. Não estou exagerando. É só mais um jogo. Tenho que estar pronto para jogar, não importa contra quem eu jogue. Só preciso estar pronto”, disse Butler.

Além de Malcolm e Ryan, os Patriots vão reencontrar outras peças que estiveram no elenco nos últimos anos, por exemplo, Jon Robinson (2002 a 2013), atual GM de Tennessee, passando pelo coordenador defensivo Dean Pees (2004-2009) e o running back Dion Lewis.

Foto: Mark Brown/Getty Images

Oddsshark