10/02/2019 - 03h39

Thunder derrota Rockets depois de estar perdendo por 26 pontos

Com 45 pontos de George e triplo-duplo de Westbrook, OKC conquista a maior vitória de virada da história da franquia

Thunder derrota Rockets depois de estar perdendo por 26 pontosO Oklahoma City Thunder derrotou o Houston Rockets neste sábado (9) pelo placar de 117 a 112 no Toyota Center. Essa é a maior vitória de virada da história do Thunder, depois de estar perdendo por 26 pontos.

Pelo Thunder, destaque para Paul George que anotou 45 pontos e 11 rebotes em cerca de 41 minutos em quadra. Russell Westbrook conseguiu o nono triplo-duplo seguido ao ter 21 pontos, 12 rebotes e 11 assistências e empatou com a marca de Wilt Chamberlain. Dennis Schroder veio bem do banco com 17 pontos. Pelos Rockets, mais uma grande atuação de James Harden, que anotou 42 pontos em 37 minutos em quadra. Chris Paul flertou com o triplo-duplo após ter 18 pontos, 10 rebotes, nove assistências e dois roubos de bola, ultrapassando Mookie Blaylock na lista de mais roubos de bola da NBA com 2076 roubos e ocupa a 11ª posição no ranking e viu Kenneth Faried anotar um duplo-duplo com 17 pontos e 12 rebotes.

Os comandados de Billy Donovan foram melhores no aproveitamento de arremessos (44,9% contra 43%), no aproveitamento de arremessos de três pontos (38,2% contra 35,6%), no aproveitamento de lances livres (80% contra 73,3%), em assistências (20 contra 18), em rebotes ofensivos (12 contra sete) e em rebotes defensivos (41 contra 32). Os jogadores de Mike D’Antoni se saíram na frente nos roubos de bola (10 contra sete), em tocos (sete contra cinco), em turnovers (12 contra 19) e em pontos anotados em turnovers (29 contra 14).

O JOGO

O primeiro quarto começou muito equilibrado, com as duas equipes tendo dificuldades de se manter na frente por muito tempo. Ao todo, o placar ficou empatado em sete oportunidades e ocorreram 13 trocas de liderança, sendo sete dos Rockets e seis do Thunder. Paul George fechou o primeiro quarto com 100% de aproveitamento nos arremessos, anotando 13 pontos em cinco tentativas. Dennis Schroder arriscou o arremesso final mas não conseguiu colocar a bola dentro do aro, fechando os primeiros 12 minutos de jogo com a equipe da casa na frente por 28 a 25.

No segundo quarto, a vantagem dos Rockets começou a decolar. A defesa de Houston começou a intensificar os trabalhos e James Harden começou a aquecer a mão. Foram 17 pontos somente no segundo período de partida depois de anotar oito pontos no quarto anterior. A maior vantagem da partida veio das mãos do número 13 de Houston, que converteu dois lances livres com cerca de um minuto e meio para o intervalo. Chris Paul tentou aumentar mais a vantagem com um arremesso de três pontos, mas não conseguiu convertê-lo. Mesmo assim, o placar era favorável para a equipe da casa: 70 a 48 (42 a 23 no quarto).

O placar do quarto anterior quase se repetiu, mas a favor do Thunder. Mesmo com os Rockets se mantendo com mais de 20 pontos de frente na maior parte do período, a equipe de Oklahoma foi atrás do resultado e, com dois arremessos importantes de Schroder, o placar ficou empatado quando restavam 52 segundos a serem disputados no período. Austin Rivers tentou retomar a vantagem com uma bandeja, mas o cronômetro já tinha estourado e as equipes iam para o quarto final empatadas com 90 pontos cada (42 a 20 no quarto).

O ritmo disputado e equilibrado dos primeiros 12 minutos de jogo se repetiram nos 12 minutos finais da partida. Mesmo com o placar estando empatado apenas três vezes, os Rockets lideraram o marcador três vezes enquanto o Thunder ficou na frente em outras quatro oportunidades. Mesmo com um toco de Nenê em cima de Jerami Grant, a equipe de Oklahoma não se intimidou e assumiu a liderança final após Russell Westbrook abrir espaço na defesa e converter a bandeja e Paul George converter os lances livres depois de sofrer uma falta na linha de três pontos. Com uma diferença de três pontos no placar, a franquia de Houston tentou o empate, mas um erro na reposição de bola na lateral fez com que os adversários saíssem com a vitória por 117 a 112 (27 a 22 no quarto).

Com a vitória, o Oklahoma City Thunder conquista seu 36º triunfo na temporada e se mantêm na terceira posição da conferência oeste com 65,5% de aproveitamento. Mesmo com a 23ª derrota, o Houston Rockets continua na quinta posição do oeste com 58,2% de aproveitamento. O próximo confronto do Thunder será nesta segunda-feira (11) às 23h quando recebem o Portland Trail Blazers na Chesapeake Energy Arena com direito a transmissão para o Brasil pelo SporTV. No mesmo horário, os Rockets encaram o Dallas Mavericks no Toyota Center.

(Foto: Reprodução Twitter/NBA)

Oddsshark