14/09/2018 - 11h24

Thibodeau afirma que não está formando ‘TimberBulls’ intencionalmente

Tendo treinado a franquia de Chicago por cinco anos, Tom Thibodeau descarta que esteja remontado equipe da época

MINNEAPOLIS, MN - APRIL 11: Head coach Tom Thibodeau of the Minnesota Timberwolves reacts as his team plays against the Denver Nuggets during the game on April 11, 2018 at the Target Center in Minneapolis, Minnesota. The Timberwolves defeated the Nuggets 112-106A recente adição de Luol Deng ao elenco do Minnesota Timberwolves simboliza o quarto jogador que Tom Thibodeau também já treinou em seus tempos de Chicago Bulls. Em razão disso, a franquia de Mineápolis vem sendo intitulada de forma irônica como “TimberBulls”, em alusão aos também ex-Bulls Jimmy Butler, Taj Gibson e Derrick Rose, algo que não satisfaz o treinador.

“As pessoas sempre falam de diferentes coisas, mas estas decisões não são feitas com capricho”, disse Thibodeau, conforme Steve Aschburner, da NBA.com. Ele acrescentou que a adição de Deng ao elenco, que fez apenas uma aparição na temporada passada pelo Los Angeles Lakers, foi para reforçar os Timberwolves e não uma forma de reunir uma equipe que ele já teve sucesso.

“Para mim, você olha para os jogadores disponíveis e se pergunta ‘Ele poderia melhorar o elenco?’. Desde o dono, Glen Taylor, até o general manager Scott Layden, nós conversamos sobre estes temas. Se sentimos que podemos melhorar o time, assim o faremos. No caso específico de Deng, foi para isso que deixamos um espaço disponível no elenco”.

Selecionado em 2004 pelos Bulls, Deng foi duas vezes ao All-Star Game, ambas sob a tutela de Thibodeau. Na intertemporada, o ala de 33 anos entrou em acordo com os Lakers para rescindir o contrato e abrir espaço ao plantel jovem de Los Angeles. “Você é familiar a eles e eles são a você. Eu não sou o único que já treinou Luol, Derrick, Jimmy ou Taj. Todos estes caras tiveram outros pretendentes. Você fala com eles e explica a eles como se encaixarão. Aí eles decidem se vão vir para nossa equipe ou não”, disse o técnico.

Thibodeau ainda afirmou que os quatro jogadores ajudarão muito os Timberwolves. “Então se um atleta já jogou para mim, ou para Scott ou para alguns de nossos assistentes não é o que realmente importa, e sim se acreditamos que ele irá encaixar no esquema. Eu realmente não me importo com que os outros pensam, e sim com o que nós pensamos”, completa.

O time dos Bulls que incluía os quatro atletas e Thibodeau foi para a segunda rodada dos playoffs duas vezes. Chicago também alcançou a final da Conferência Leste em 2011 antes de draftar Butler na intertemporada seguinte. A temporada de Minnesota, que perdeu para o Houston Rockets na primeira rodada dos playoffs, foi a melhor desde 2003-04, última em que a franquia havia chegado à pós-temporada.

(Foto: Hannah Foslien/Getty Images)

Oddsshark