22/02/2019 - 01h45

Sem Joel Embiid, Philadelphia 76ers passa pelo Miami Heat no sufoco

Na volta da temporada regular após o All-Star, Sixers contam com boa produção dos titulares e vencem o Heat em casa

Sem Joel Embiid, Philadelphia 76ers passa pelo Miami Heat no sufocoA temporada regular da NBA está de volta, após a pausa para os eventos do All-Star Weekend. E para abrilhantar o retorno, nesta quinta-feira (21), o Philadelphia 76ers, mesmo com a ausência do pivô Joel Embiid, contou com uma noite inspirada de seu quinteto inicial e derrotou no sufoco o Miami Heat em seus domínios pelo placar de 106 a 102, no Wells Fargo Center.

Substituto do camaronês, que não jogou devido a uma dor no joelho (desfalcará a equipe por cerca de uma semana), o gigante Boban Marjanovic anotou double-double (19 pontos e 12 rebotes) e foi um dos principais destaques da partida. Ênfase também para as atuações dos titulares Tobias Harris (23 pontos e 11 rebotes) que anotou também dígitos duplos em dois fundamentos, Ben Simmons (21 pontos, sete rebotes) e Jimmy Butler (18 pontos, seis rebotes e seis assistências).

Pelos derrotados, a pontuação foi bastante dividida e com boa participação do banco, mas os principais cestinhas foram Dwyane Wade (19 pontos e seis assistências), Dion Waiters (18 pontos e cinco rebotes), Kelly Olynyk (15 pontos e seis rebotes) e Josh Richardson (13 pontos e cinco assistências).

Agora, os Sixers (38-21) conquistam a segunda vitória seguida, sendo seis nos últimos nove duelos, assumem a quarta posição da Conferência Leste e continuam na briga para se aproximarem no topo da tabela. Do outro lado, o Heat (26-31) permanece em momento ruim, com sete derrotas nas últimas nove partidas, cai para a décima colocação e segue vivo na busca por uma vaga nos playoffs.

O JOGO

Com Boban Marjanovic substituindo muito bem Joel Embiid e já flertando com double-double (11 pontos e sete rebotes) nos 12 minutos iniciais, o Philadelphia 76ers dominou o primeiro quarto. A equipe da casa não sentiu a ausência de seu principal jogador na temporada, defendeu com eficiência e fez 29 a 21 na parcial, mesmo com boa participação de Dwyane Wade pelo lado do Miami Heat, que saiu do banco e contribuiu com 6 tentos.

No período seguinte, Miami melhorou muito sua produção com a entrada dos suplentes, dividiu bem a pontuação, equiparou mais o jogo e chegou a assumir a frente do placar. Só que do outro lado, os protagonistas dos Sixers entraram em ação também (Tobias Harris, Jimmy Butler e Ben Simmons), apareceram mais no ataque, Marjanovic permaneceu dominante no garrafão e a diferença continuou confortável para os mandantes na ida das equipes para o intervalo (57 a 50).

No retorno, os visitantes mostraram que estavam vivos no duelo. Com um terceiro quarto brilhante, o Heat limitou os 76ers a 16 pontos apenas, marcou 25 e foi para o período derradeiro vencendo por 75 a 73, mudando totalmente o confronto.

A partir daí, a partida foi equilibradíssima, os times revezaram-se na liderança e a decisão do ganhador ficou para o fim. Nos dois minutos restantes do relógio, o Philadelphia 76ers prevaleceu, foi preciso nos arremessos, teve mais tranquilidade, aproveitou o fator casa, segurou o adversário e com muito sufoco derrotou o valente time do Miami Heat por 106 a 102.

Após o estouro do cronômetro, Dwyane Wade proporcionou ainda mais um momento especial na liga e trocou sua camisa com o jovem talento Ben Simmons para levar de recordação, já que esta é a sua última temporada na NBA e o astro vem realizando esse protocolo contra todos os times que enfrenta pela última vez fora de casa, sendo bastante aplaudido pelos torcedores no ginásio.

Melhores momentos

Próximos jogos

O Philadelphia 76ers continua em casa e enfrentará o bom time do Portland Trail Blazers, neste sábado (23). No mesmo dia, o Miami Heat volta para Flórida e recebe o Detroit Pistons, na American Airlines Arena, em confronto direto por uma vaga nos playoffs.

Confira a programação dos jogos que acontecem nesta sexta-feira (22):

Washington Wizards @ Charlotte Hornets
New Orleans Pelicans @ Indiana Pacers
Chicago Bulls @ Orlando Magic
San Antonio Spurs @ Toronto Raptors
Detroit Pistons @ Atlanta Hawks
Minnesota Timberwolves @ New York Knicks
Los Angeles Clippers @ Memphis Grizzlies
Denver Nuggets @ Dallas Mavericks
Utah Jazz @ Oklahoma City Thunder

Foto: Divulgação Twitter/NBA

Oddsshark