07/02/2019 - 18h30

Philadelphia 76ers envia Markelle Fultz para o Orlando Magic

Pelo jogador selecionado com a 1ª escolha de 2017, Magic envia Jonathon Simmons e mais duas escolhas de Draft

A paciência com a primeira escolha do Draft de 2017 acabou em Philadelphia. Os 76ers acertaram nesta quinta-feira (07) uma troca com o Orlando Magic, que para contar com o armador Markelle Fultz enviram o ala Jonathon Simmons, uma escolha de primeira rodada de 2020 (via Oklahoma City Thunder) e uma escolha de segunda rodada. Segundo Jeff Weltman, presidente do Orlando Magic, e o general manager John Hammond, a troca é considerada de “baixo risco”.

Fultz, que só disputou 33 partidas desde que foi draftado, ainda não apresentou o basquete praticado na NCAA e sofreu com diversos problemas de lesão. Mas, se tratando de um jogador selecionado com a primeira escolha, o valor pago foi bem abaixo da média. Simmons tem 20,6 minutos de média na temporada, com 6,9 pontos por partida. Já as escolhas enviadas também não são muito atrativas. A escolha de primeiro round via OKC é protegida até a 20ª posição.

Para os 76ers, a troca põe um ponto final precoce na passagem do armador nos Sixers. Para contar com a sensação do basquete universitário em 2017, a franquia precisou negociar com o Boston Celtics, detentor da primeira escolha na época. Para ter a certeza de que Fultz não iria para o rival, Philadelphia enviou a terceira escolha daquele Draft mais a escolha de primeiro round de 2019 do Sacramento Kings.

Melhor para os Celtics, que ganharam uma pick futura e selecionaram Jayson Tatum com a terceira escolha. Segundo Danny Ainge, general manager de Boston, o ala era o escolhido da franquia durante todo esse tempo.

Em Orlando, Markelle Fultz terá mais tempo e quase nenhuma pressão para desenvolver seu basquete na NBA. De todos os envolvidos na troca, o armador foi o que mais saiu ganhando.

(Foto: Reprodução Twitter/NBA TV)

Oddsshark