16/03/2019 - 01h06

Julius Randle brilha, mas Pelicans perdem para Trail Blazers

Ala-pivô da franquia de New Orleans tem maior pontuação da carreira, mas não impede derrota em casa

Julius Randle brilha, mas Pelicans perdem para Trail BlazersO Portland Trail Blazers derrotou o New Orleans Pelicans nesta sexta-feira (15) pelo placar de 122 a 110 no Smoothie King Center, em Nova Orleans. Julius Randle teve grande atuação pelos Pelicans, e teve a maior pontuação de sua carreira.

O destaque da partida foi Damian Lillard, que teve 24 pontos, quatro rebotes, sete assistências e dois roubos de bola em 35 minutos em quadra. CJ McCollum teve grande contribuição com 23 pontos, cinco rebotes e quatro assistências, enquanto Enes Kanter veio bem do banco com 17 pontos e oito rebotes. Pela equipe da casa, Julius Randle anotou 45 pontos, 11 rebotes, seis assistências, dois roubos de bola e três tocos, e viu Elfrid Payton chegar ao terceiro triplo-duplo seguido com 14 pontos, 12 rebotes e 16 assistências. Frank Jackson ajudou com 17 pontos.

Os jogadores de Terry Stotts foram melhores no aproveitamento de arremessos de três pontos (37% contra 26,7%), no aproveitamento de lances livres (81,2% contra 48%), em rebotes ofensivos (17 contra 14) defensivos (37 contra 31) e em tocos (oito contra seis). Os comandados de Alvin Gentry se saíram na frente no aproveitamento de arremessos (47,9% contra 44,8%), em assistências (31 contra 26), em turnovers (11 contra 15) e em pontos anotados em turnovers (17 contra 10). As duas equipes tiveram o mesmo número de roubos de bola (sete).

O JOGO

Logo nos primeiros 12 minutos de jogo, já era visto que seria um jogo disputado. O placar ficou empatado em quatro oportunidades e ocorreram oito trocas de liderança, sendo quatro para cada lado. Mas que se saiu melhor foram os Pelicans, que abriram uma boa vantagem depois de Julius Randle colocar a bola dentro da cesta com cerca de cinco minutos e meio para encerrar o período. Jusuf Nurkic arriscou o arremesso final com um gancho próximo a cesta, mas não conseguiu finalizar a jogada com os dois pontos e viu os Blazers ficarem atrás do placar no primeiro quarto por 37 a 30.

No segundo quarto, os Pelicans continuaram na liderança por boa parte, mas quem iniciou o período melhor foram os Blazers que, em seis minutos, fecharam muito bem a defesa e encostaram no placar. Logo depois, o equilíbrio voltou a aparecer na quadra e os mandantes conseguiram se manter na frente por mais cinco minutos. Os visitantes assumiram a liderança novamente em um arremesso de três pontos de CJ McCollum, mas voltaram a ficar na desvantagem depois de Frank Jackson converter uma bandeja no último segundo para irem para os vestiários vencendo por 57 a 56 (vitória dos Blazers por 26 a 20 no período).

Na volta dos vestiários, a partida continuou equilibrada por um bom tempo, tendo o placar empatado em mais três oportunidades e sete trocas de vantagem no marcador (sendo quatro dos Blazers e três dos Pelicans). Mas depois de Randle sofrer falta e finalizar a jogada próximo a cesta com quatro minutos a serem disputados, os visitantes começaram a atacar bastante e ficaram a liderança até o fim do período. Darius Miller tentou o arremesso final depois de Damian Lillard converter dois lances livres, mas não conseguiu acertar a cesta e o último quarto chegou com o placar favorável à equipe de Oregon por 87 a 82 (31 a 25 no período).

Nos últimos 12 minutos de partida, os Blazers manteram o ritmo defensivo dificultando os arremessos do perímetro dos adversários e mantiveram a liderança por todo o período. Mas quem se manteve inspirado pelos Pelicans foram Randle e Elfrid Payton. O armador conquistou o triplo-duplo com um minuto e meio do período ao finalizar uma bandeja, enquanto o ala-pivô anotou 18 pontos enquanto esteve em quadra no último quarto. McCollum acertou um arremesso de três pontos para liquidar a partida com 20 segundos para zerar o relógio e, mesmo com Kenrich Williams errando um arremesso do perímetro, a vitória dos visitantes por 122 a 110 (35 a 28 no quarto) já era dada como certa.

Com a vitória, o Portland Trail Blazers conquista o 42º triunfo na temporada e se mantêm na quarta posição da conferência oeste com 61,8% de aproveitamento. O New Orleans Pelicans sofreu a 41ª derrota no campeonato e dificulta a situação para uma eventual classificação para os playoffs. O próximo confronto dos Blazers será neste sábado às 21h30 quando enfrentam o San Antonio Spurs no AT&T Center. No mesmo dia, os Pelicans recebem o Phoenix Suns às 20h no Smoothie King Center.

Foto: Reprodução Twitter/New Orleans Pelicans

Oddsshark