12/02/2019 - 03h16

Em duelo eletrizante, Kawhi brilha no final e Raptors superam os Nets

Na estreia de Marc Gasol no Canadá, Toronto leva vantagem no momento decisivo e vence a jovem equipe do Brooklyn

Em duelo eletrizante, Kawhi brilha no final e Raptors superam os NetsNa estreia de Marc Gasol jogando em casa pela sua nova equipe, o Toronto Raptors, mais uma vez, mostrou sua força na Scotiabank Arena e bateu com muitas dificuldades o surpreendente time do Brooklyn Nets pelo placar de 127 a 125, com game-winner de Kawhi Leonard, que acertou uma cesta decisiva faltando quatro segundos para o término da partida.

Com os holofotes voltados para o primeiro jogo do espanhol no Canadá, já que o pivô havia estreado contra o New York Knicks fora, após troca envolvendo o Memphis Grizzlies, Gasol não decepcionou diante dos seus torcedores, saiu do banco, cresceu no último período e terminou o duelo com 16 pontos e seis rebotes.

Porém, o grande personagem dos Raptors individualmente, não tinha como ser diferente e foi Kawhi Leonard. O astro apareceu nos momentos mais importantes, decidiu no fim, anotou 30 pontos e ainda deu oito assistências.

Além deles, outros jogadores contribuíram bastante e foram importantes para a vitória dos mandantes, que não contaram com o importante armador suplente Fred VanVleet, lesionado. Destaque para as performances de Serge Ibaka (18 pontos, 12 rebotes), Pascal Siakam (17 pontos), Kyle Lowry (13 pontos, seis rebotes e sete assistências) e do reserva Patrick McCaw (13 pontos).

Pelos Nets, sem Spencer Dinwiddie (lesão no dedo) ainda, o grande protagonista foi, mais uma vez, o jovem D’Angelo Russell que flertou com o triple-double, marcou 28 pontos, distribuiu 14 assistências (maior marca da carreira) e ainda garantiu sete rebotes. Com recorde pessoal nas bolas de três pontos, anotando sete arremessos de oito tentados, Joe Harris foi outro atleta importante para os visitantes, juntamente com o reserva Allen Crabbe (22 pontos) e do pivô Jarrett Allen (15 pontos).

Com o triunfo, os Raptors (42-16) emendam a sua quinta vitória seguida na NBA, permanecem na segunda colocação e colam ainda mais no líder Milwaukee Bucks na briga pelo primeiro posto da Conferência Leste. Ainda na disputa pelos playoffs e com uma campanha surpreendente na temporada, os Nets (29-29) caíram de rendimento nas últimas apresentações, com cinco derrotas nos últimos seis jogos, e ficam no sexto lugar também do lado Leste.

O JOGO

Com um primeiro quarto surpreendente, o duelo começou com Joe Harris pegando fogo nas bolas de três pontos, anotando 83,3% de aproveitamento (FG 5/6) e assumindo o protagonismo para o Brooklyn Nets. Além da precisão nos tiros de longa distância, os visitantes ditaram o ritmo durante todo os primeiros 12 minutos, dominaram defensivamente e venceram o período por 29 a 21, aproveitando com eficiência os seis turnovers do Toronto Raptors, sendo três do astro Kawhi Leonard. Outro destaque importante da parcial foi a estreia de Marc Gasol no solo canadense, após troca com o Memphis Grizzlies.

No segundo quarto, o time da casa melhorou, esboçou uma reação e a partida ficou muito mais equilibrada. Mesmo com Marc Gasol já em quadra, os torcedores presentes na Scotiabank Arena, viram outro reserva brilhar e ele foi Patrick McCaw, com 9 tentos, além de Kawhi Leonard, que melhorou bastante sua produção ofensiva (15 pontos). Só que do outro lado, Brooklyn suportou bem a pressão do adversário e com Joe Harris quase perfeito, batendo recorde pessoal de cestas atrás da linha de três (FG 7-8), foi para o intervalo na frente pelo placar de 60 a 56, mesmo perdendo o período (35 a 31).

No retorno das equipes dos vestiários, Toronto chegou a assumir a liderança depois de muito tempo atrás do marcador, com Serge Ibaka tomando conta do garrafão. Só que pelos Nets, D’Angelo Russell resolveu jogar também e respondia do outro lado, já flertando com o triple-double (18 pontos , seis assistências e 10 rebotes). Com isso, o confronto continuou extremamente parelho no terceiro quarto e terminou empatado em 92 a 92, entretanto o melhor ainda estava por vir.

No quarto final, o pivô espanhol apareceu para a partida, ajudou a colocar sua equipe na dianteira do placar no início da parcial e mostrou o porque foi contratado, dando uma demonstração importante do quanto poderá ser útil daqui para frente. Do outro lado, se os arremessos de Harris secaram após o intervalo, o suplente Allen Crabbe supriu muito bem nas bolas de longa distância e manteve os Nets na cola do adversário, junto com Russell, principal protagonista da franquia e que fazia grande apresentação. Longe de decidido, o jogo que já era excelente, se tornou melhor ainda nos instantes derradeiros e as coisas esquentaram de vez.

Nos últimos dois minutos o duelo se tornou insano, os visitantes não só tiraram uma desvantagem de 6 pontos com duas bolas de três do Crabbe, como passaram a frente por 2 pontos. Do outro lado, Toronto até chegou a empatar em seguida, mas tomou outra bola de longa distância logo depois e a decisão ficou para os momentos finais. Faltando 36 segundos, foi aí que a experiência apareceu e os mandantes voltaram a empatar com uma linda cesta de três do ala Danny Green. Com quatro segundos para terminar e com a partida ainda igual, apareceu novamente Kawhi Leonard. O craque recebeu boa assistência de Kyle Lowry, fez um ótimo giro no ar, arremessou com precisão, converteu uma belíssima cesta e deu a vitória para o Toronto Raptors sobre o Brooklyn Nets: 127 a 125.

Melhores momentos

Próximos jogos

O Toronto Raptors terá uma sequência de mais cinco jogos consecutivos em casa e na próxima partida receberá o Washington Wizards, nesta quarta-feira (13). Na mesma data, o Brooklyn Nets volta para os seus domínios e enfrentará o Cleveland Cavaliers, no ginásio Barclays Center.

Confira a programação dos jogos que acontecem nesta terça-feira (12):

Los Angeles Lakers @ Atlanta Hawks
Boston Celtics @ Philadelphia 76ers
San Antonio Spurs @ Memphis Grizzlies
Orlando Magic @ New Orleans Pelicans
Utah Jazz @ Golden State Warriors

Foto: Divulgação Twitter / Toronto Raptors

Oddsshark