10/01/2019 - 23h39

Antetokounmpo minimiza conversas sobre disputa por prêmio de MVP

O jovem ala dos Bucks fez questão de deixar claro que não está pensando na corrida para ser o melhor jogador da liga

OAKLAND, CA - NOVEMBER 8: Giannis Antetokounmpo #34 of the Milwaukee Bucks shoots the ball against the Golden State Warriors on November 8, 2018 at ORACLE Arena in Oakland, CaliforniaUm desempenho dominante de Giannis Antetokounmpo na vitória do Milwaukee Bucks por 116 a 109 sobre o Houston Rockets, do atual MVP James Harden, pode ter criado a narrativa perfeita para o grego ganhar a maior honra individual da liga. Ele, no entanto, desviou de qualquer discussão antecipada sobre o prêmio, assim como costuma fazer com os defensores graças a sua força física e ao seu euro step matador.

“Tudo o que me interessa é vencer, para ser honesto com você”, disse Antetokounmpo depois de marcar 27 pontos, pegar 21 rebotes e distribuir 5 assistências na vitória do Bucks, atual líder do Leste, sobre a franquia do Texas. “Eu aprendo vencendo – fazendo o que for preciso, ajudando meus companheiros e dando tudo de mim na quadra – todo o resto vai se resolver por conta própria.”

Se Giannis precisa de alguém que esteja do seu lado em sua sina para tornar-se o melhor jogador da NBA, ele tem o apoio de seu companheiro de equipe Brook Lopez, pivô dos Bucks. “Definitivamente acho que é o que acreditamos dentro do vestiário, e também a mentalidade ao redor da liga, que nós temos o melhor jogador do campeonato aqui”, disse Lopez.

Quando foi informado da fala de Lopez, Antetokounmpo sorriu e brincou que o pivô é “seu fã número um”. O camisa 34, no entanto, admitiu que tal status é algo que está no topo entre seus objetivos. “Para ser honesto com você, tudo que me importa agora é melhorar, ajudando meu time a vencer”, disse. “E [tornar-se o melhor jogador da liga é] vai acontecer de maneira natural. Eu sei que um dia isso pode acontecer. Eu não sei se estou lá ainda, mas vou fazer o que for preciso para conseguir chegar lá, porque é isso que eu quero ser. ”

Harden, que declarou publicamente recentemente que espera ganhar o MVP pelo segundo ano consecutivo, não se abalou apesar da excelente atuação defensiva dos Bucks, que frequentemente o forçou a usar sua mão direita diante da marcação pesada do pivô do time de Milwaukee. O “Barba” terminou a partida com 42 pontos, 11 rebotes e 6 assistências, mas arremessou para 13 de 30 e cometeu 9 turnovers.

“Ele está la no topo”, disse Harden, reconhecendo que Antetokounmpo merece entrar na discussão sobre quem é o melhor jogador da liga. “Ele definitivamente é [elite], por conta do jeito que ele impacta o jogo.”

Por outro lado, Antetokounmpo marcou os pontos que determinaram o conforto de maneira impactante. O grego voou para finalizar uma cesta que deu uma liderança de seis pontos para os Bucks faltando apenas 39 segundos para jogar. “Ele faz de tudo”, disse o técnico do Bucks, Mike Budenholzer. “Ele teve um enorme impacto na vitória.”

Giannis Antetokounmpo entrou na conversa para ser um dos melhores jogadores da liga sustentando uma média impressionante de 26,6 pontos, 12,8 rebotes e 6 assistências por jogo, além de ser uma figura dominante na defesa de Milwaukee, que tem atualmente a melhor percentagem de vitórias da NBA (29-11, .725). O “Greek Freak” tem se consolidando como um talento único, capaz de proteger o aro defensivamente e criar jogadas após o drible ofensivamente – muitas vezes para suas próprias e impressionantes enterradas.

(Foto: Noah Graham/NBAE via Getty Images)

Oddsshark