12/10/2017 - 00h49

Gregorius consegue dois HRs e Yankees completam virada sobre Indians

Com show de shortstop, New York Yankees vence Cleveland Indians, cala o Progressive Field e fecha ALDS em 3 a 2

Didi Gregorius consegue dois home runs em jogo entre Yankees e IndiansUma virada incrível, histórica. O New York Yankees foi a Cleveland disposto a completar o que começou, fez 5 a 2 no Cleveland Indians e fechou a série da ALDS em 3 a 2, calando o Progressive Field e seguindo em frente nos playoffs da Major League Baseball. Agora, a franquia mais tradicional do esporte, que sobreviveu a quatro jogos de eliminação na pós-temporada (o Wild Card contra o Minnesota Twins e os três últimos da ALDS) enfrentará o Houston Astros em busca de uma vaga na World Series. A ALCS começa na sexta-feira (13), às 21h, no Minute Maid Park, e a casa dos Astros também receberá o jogo 2, no sábado (14), às 17h. O Yankee Stadium abriga os jogos 3 e 4, nos dias 16 e 17 deste mês.

Principal nome da rotação de Terry Francona, Corey Kluber subiu ao montinho, antes da 1ª entrada, disposto a deixar no passado a atuação no jogo 2 da ALDS (seis corridas cedidas em 2 2/3 innings), mas os fantasmas voltaram para assombrar o ace dos Indians. Com dois eliminados, Didi Gregorius deu as caras, abrindo o placar com um solo home run para o campo direito. A vantagem de 1 a 0 foi mais que suficiente para um eficiente C.C. Sabathia, que passou incólume pelas duas primeiras parciais, com direito a quatro strikeouts.

Kluber tem justificativas para eventuais pesadelos com Gregorius: o shortstop que chegou aos Yankees com a difícil missão de substituir o ídolo Derek Jeter apareceu de novo no 3º inning com outro home run, este de duas corridas, novamente para o campo direito, colocando o placar em 3 a 0. Candidato ao prêmio Cy Young da Liga Americana, Kluber novamente teve vida curta, deixando o campo após 3 2/3 entradas em que cedeu três rebatidas, dois walks, três corridas merecidas e conseguiu seis strikeouts.

C.C. Sabathia vai bem como titular no jogo 5 entre Yankees e IndiansSabathia, por sua vez, foi muito bem por quatro innings, em que permitiu apenas uma rebatida simples, com oito strikeouts. Os Indians acordaram na 5ª parcial, porém, forçando Joe Girardi a trocar seu arremessador após rebatidas simples de Roberto Perez e Giovanny Urshela garantirem uma corrida cada ao time da casa. O resultado da atuação do veterano pitcher: 4 1/3 entradas, cinco rebatidas, duas corridas merecidas e nove strikeouts.

Utilizando apenas os cachorros grandes do bullpen, Terry Francona e Girardi foram eficientes. O trio formado por Andrew Miller, Brian Shaw e Cody Allen cedeu apenas três hits ao ataque dos Yankees até o final do 8º inning, com nove strikeouts. O mesmo papel coube a David Robertson, reliever que fez a ponte para Aroldis Chapman ao controlar o ataque dos Indians por 2 2/3 entradas, permitindo apenas um walk e conseguindo dois strikeouts.

A missão de fechar o jogo e a série coube ao “Míssil Cubano”, que teve problemas com os Indians no jogo 7 da World Series de 2016, quando defendia o Chicago Cubs. Chapman passou sem problemas pela 8ª entrada, ensanduichando um groundout contra Francisco Lindor entre strikeouts sobre Urshela e Jason Kipnis. Antes de voltar ao montinho para as três eliminações finais, ele ganhou um presente de Brett Gardner e da defesa dos Indians. Uma rebatida simples de Aaron Hicks (aliada a um erro de Austin Jackson) e um walk para Todd Frazier colocaram corredores na 1ª e 2ª bases com dois eliminados, e Gardner manteve-se vivo contra Cody Allen até conseguir a rebatida simples que impulsionou Hicks.

Frazier cruzou o home plate na sequência, aproveitando um erro de Jay Bruce e Francisco Lindor, colocando o placar em 5 a 2. Isso fampliou a folga para Chapman, que aguardou por quase meia hora até voltar ao montinho para fechar a série. O cubano abriu a parcial com um walk para Jose Ramirez, mas recuperou-se na sequência com um strikeout sobre Edwin Encarnacion. Ele induziu um forceout contra Carlos Santana e, com dois eliminados, Austin Jackson teve a oportunidade, mas também foi vítima de um strikeout, selando a vitória dos Yankees.

Um detalhe que mostra o domínio dos dois corpos de arremessadores: Cleveland Indians e New York Yankees combinaram para 31 eliminações por strikeout no jogo 5 da ALDS, maior marca para uma partida de playoff na centenária história da Major League Baseball.

ALDS: Cleveland Indians 3 × 2 New York Yankees 

Jogo 1: New York Yankees 0 @ 4 Cleveland Indians
Jogo 2: New York Yankees 8 @ 9 Cleveland Indians F/13
Jogo 3: Cleveland Indians 0 @ 1 New York Yankees
Jogo 4: Cleveland Indians 3 @ 7 New York Yankees
Jogo 5: New York Yankees 5 @ 2 Cleveland Indians

Crédito das imagens: Reprodução/Twitter

Rivalo Apostas Esportivas